Rita Lee é condenada após xingar policiais de “cachorros” e “cafajestes”

Após grande polêmica em um show em Barra dos Coqueiros, em Sergipe no ano de 2012, a cantora Rita Lee reclamou de policiais que estavam fazendo a segurança no local.
Ela se queixou de uma possível violência da polícia e xingou os policiais que estavam na frente do palco. “Seus cachorros, coitados dos cachorros. Seus cafajestes!”, disse Rita na ocasião aos policiais, que entraram com processo contra a cantora por danos morais logo depois do ocorrido.
O Tribunal de Justiça de Sergipe, em 2013, através do juiz Aldo de Albuquerque Mello, considerou “totalmente procedente” o pedido para condenar a cantora ao pagamento de R$ 20 mil ao policial Angelo dos Santos Carvalho de indenização por danos morais.
Mas em 2015 a cantora recorreu da decisão. Agora, a Terceira Turma, por unanimidade, concordou com a ministra relatora do processo no STJ, Nancy Andrighi, que previa a recusa ao recurso de Lee.
A decisão consta no site do tribunal sob o número 201210701291. O valor, posteriormente, em apelação, foi reduzido para R$ 5 mil de indenização.

Com informações do Estadão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!