Gabinete Pessoal de Jair Bolsonaro responde denúncia sobre a CEMAR feita por Leonel Filho e Junior Oliveira

O Diretor de Gestão Interna do Gabinete Pessoal do Presidente Jair Bolsonaro enviou um oficio ao vereador Leonel Filho relatando ter recebido o pedido de investigação que o parlamentar fez sobre a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR).

Jader Luciano Santos Almeida, que responde pela Gestão Interna do Gabinete Pessoal da Presidência da República, informou que encaminhou o documento para o Ministério de Minas e Energias, que vai dar prosseguimento ao processo de investigação.

A denúncia

No dia 15 de janeiro, os vereadores Leonel Filho e Junior Oliveira estiveram no Palácio do Planalto e na Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), em Brasília, para denunciar a empresa Companhia Energética do Maranhão (CEMAR) por má prestação de serviços de distribuição de energia elétrica no município de Codó.

Os parlamentarem protocolaram um oficio denunciando que são constantes as interrupções e oscilações no fornecimento de energia em vários locais no município, principalmente na zona rural.

O documento também afirma que a CEMAR tem feito a substituição de contadores de algumas residências de forma intimidadora, grosseira e algumas vezes criminosa. Os vereadores afirmam que os moradores são abordados sem o menor respeito e educação pelas equipes da empresa.

A denúncia dos parlamentares vai além, eles afirmam que existe uma forte suspeita de que os contadores digitais não estão registrando corretamente o consumo de energia elétrica, pois, segundo os edis, o valor pago pelos consumidores tem subido de forma excessivamente intenso e rápido.

O documento pede que seja feita uma revisão urgente nos contares digitais da cidade para que saber se esses equipamentos estão cobrando o valor justo que está sendo consumido pela população e se a CEMAR está aumentando a conta de energia de acordo com o que está sendo determinado pela ANEEL.

Outros vários problemas são apontados pelos vereadores codoenses.

Leonel Filho e Junior Oliveira pedem que o presidente Jair Bolsonaro e a ANEEL tome providências para que a CEMAR preste esclarecimentos e solucione os problemas apontados.

Veja a denúncia na íntegra:

Homem é preso após agredir com socos e empurrões a própria mãe em Codó

Um homem de 21 anos de idade foi preso no sábado (16) após agredir a própria mãe na travessa Presidente Getúlio Vargas, região da Trizidela, em Codó.

Segundo o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, Charles Reis Andrade, popularmente conhecido como “Donatello” (personagem do desenho Tartarugas Ninja), teria agredido a vítima com socos e empurrões. Ele também quebrou vários objetos da casa em que mora com a mãe.

Indignados com a atitude do homem, os próprios vizinhos chamaram os policiais que prenderam o criminoso após ele tentar fugir por duas vezes.

“Donatello” foi encaminhado para a 4° Delegacia Regional de Polícia Civil de Codó e liberado nesta segunda-feira (18) após ser ouvido pelo delegado de plantão.

Com a colaboração da repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade.

Adolescente é detido acusado de estuprar uma criança de apenas 4 anos em Codó

Um adolescente de 15 anos foi detido em Codó após ser flagrado cometendo o crime de estupro de vulnerável que teve como vítima uma criança de apenas 4 anos de idade. O delito aconteceu no povoado Km 17, zona rural do município.

Em entrevista concedida a repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade, o delegado Rômulo Vasconcelos disse que a mãe da menina teria visto o adolescente passando a mão nas partes intimas de sua filha e acionou a polícia. O menor infrator é tio da vítima e confessou o crime.

Assista:

Dr. Zé Francisco convoca oposição para vencer as eleições de 2020 em Codó

O médico e presidente municipal do PT, Dr. Zé Francisco, disse neste domingo (17) que vários partidos estarão unidos para, segundo ele, resgatar a dignidade da população codoense.

“(…) vamos crescer Codó, vamos juntar vários partidos, todos aqueles que tem interesse em ver uma Codó melhor, vamos dar as mãos, para juntos, resgatarmos a dignidade e a felicidade do povo codoense”, disse.

Dr. Zé Francisco fez o discurso durante ato para a comemoração do aniversário de 39 anos do PT em evento no Sindicato dos Trabalhadores Rural. O petista convocou a oposição para vencer as eleições de 2020 em Codó.

Usando uma camisa vermelha com um broche do ex-presidente Lula, o médico codoense garantiu que pretende assumir a prefeitura de Codó para acabar com a elite dominante do município de Codó. “Vamos acabar com essa elite dominante de Codó. Duas, três pessoas recebe as verbas públicas, todas, guardam em seus cofres, guardam em seus bolsos, investem em suas fazendas e o povo de Codó tá sofrendo, precisando de alguém que realmente queira trabalhar”.

A festa para comemorar os 39 anos de fundação do PT teve a participação do superintendente Pedro Belo, do advogado Dr. Francisco Mendes e de várias autoridades políticas da região.

CONFIRMADO: Zito Rolim vai assumir o mandato de deputado estadual

O Blog do Marco Silva teve acesso, com exclusividade, a informação de que o ex-prefeito de Codó Zito Rolim (PDT) vai assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão.

Segundo duas fontes do blog ligadas à Flávio Dino, o governador vai chamar mais dois deputados eleitos no chapão que era composto por nove partidos (PDT / PCdoB / PSB / PRB / PR / DEM / PP / PTC / AVANTE) para compor seu time de secretariado e Zito Rolim, que atualmente ocupa a segunda suplência, vai assumir como deputado estadual.

Zito Rolim disputou as últimas eleições e obteve 30.647 votos, ficando na 3° suplência para deputado estadual. No início deste mês, o governador Flávio Dino anunciou o retorno do deputado Marcelo Tavares a chefia da Casa Civil e o primeiro suplente Edivaldo Holanda (PTC) assumiu a vaga. Com a decisão, o ex-prefeito de Codó ficou mais perto de ocupar um lugar no Poder Legislativo Maranhense.

Nossas fontes não quiseram revelar os nomes dos deputados que serão chamados para ser secretários de Estado, mas garantiram que o martelo já foi batido e Zito Rolim vai assumir, ainda nessa semana, o mandato de deputado estadual.

SINTSERM convoca comunidade para audiência com o secretário de Educação na Câmara de Codó

A DIREÇÃO DO SINTSERM – CODÓ, convoca professores, servidores públicos municipais efetivos e contratados, alunos e pais de alunos da rede pública municipal de ensino à comparecerem na Câmara de vereadores nesta terça-feira dia 19/02 às 9:00h da manhã, quando na oportunidade deverá estar presente na mesma o secretário de educação para prestar os devidos esclarecimentos referente ao atraso no início do ano letivo que vem causando enormes prejuízos à comunidade escolar como um todo.

Participe.

Atenciosamente;

À diretoria.

Praça Nauro Machado foi tomada por foliões e agremiações carnavalescas

Ainda era dia quando os blocos de tribos de índios começaram a despertar o público que passeava pela ruas do Centro Histórico de São Luís. O cenário composto pelo pôr do sol, música e atrações diversificadas, garantiu a festa dos foliões na Praça Nauro Machado até o final da noite, mostrando um pouco do que guarda o fim de semana de prévias de carnavalescas promovida pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur).

A programação iniciou por volta das 17h30, com o cortejo de grupos de Tribos de Índios, que se misturavam com o público que transitava nas ruas do Centro. Ao som característico de seus tambores e do belo colorido de suas indumentárias, um dos primeiros grupos a arrastar os foliões no cortejo foi o Tapiaga Uhu, vindo do Alto do Goiabal, do bairro da Madre Deus.

Levando um bom e tradicional samba e pagode nacional e do Maranhão, o grupo Nobre Simplicidade, realizou uma mistura de ritmos durante sua apresentação. A banda é caracterizada pelo estilo próprio de interpretar clássicos do samba, sempre adequando os ritmos a levada do partido alto, Samba dolente, e Sambas modernos e contemporâneos. A Banda se destaca pela interatividade com o público, além de tentar fazer de forma mais fiel possível a reprodução harmônica de músicas executadas, com arranjos próprios. Possui como referências Fundo de Quintal, João Nogueira, Arlindo Cruz, Zeca Pagodinho, Revelação, Beth Carvalho, Alcione, Djavan, Benito de Paulo, João Bosco entre outros.

Em seguida foi a vez da apresentação do bloco tradicional Os Foliões, um dos mais premiados no carnaval maranhense. O grupo comemora mais um ano de intensa atividade, com projetos e ações realizados pelo Maranhão, através do seu ponto de cultura do bordado, encantarias, força e tradição do nosso estado. No palco e no chão, eles não deixaram por menos, e fizeram os brincantes ferverem no calor da festa.

Eu sou de Brasília e estou descobrindo o que esse Maranhão tem. Fiquei surpresa com a batucada dos blocos daqui. É uma coisa que vai te dominando de uma energia muito boa. Estou muito feliz e quero aproveitar ao máximo os dias que irei passar por São Luís”, afirmou a turista brasiliense, Diana Guimarães, que em seguida caiu na folia junto ao Bloco Afro Juremê, que referenciava a cultura matriz africana.

Colocando o povo para ferver, a escola de samba campeã de 2016, a Turma do Quinto, a terceira agremiação mais antiga de São Luís, entrou na festa com o tema de 2019 ‘ Alcântara divina: o cantar de cantarias’.  A escola de samba da Madre Deus mostrou o seu enredo para o público que tem trechos como este “Divino, és reverenciado, no consagrado toque das Caxeiras, salve a Tribuna do Império, tão coroada em ritual, um relicário de fé tradicional. A Turma do Quinto conta nesse carnaval e assim, ressurge em glória celeiro de história, de lutas e lendas. Na miscigenação as três raças, um só coração, canta minha vila, é a Madre Deus em devoção…”, canta encantando o povo.

Encerrando a noite de sexta-feira, a banda A Cuscuzeira, conduzida pelo músico e jornalista André Grolli, transformou clássicos do saudoso grupo Mamonas Assassina em marchinhas de carnaval. Fantasiados de uma forma bem colorida, os integrantes da banda misturam instrumentos musicais como guitarra, baixo, corneta, tuba, sopro, surdo, entre outros.

Ascom

 

Calçadão de Imperatriz será o 1º centro comercial coberto do Maranhão

O Calçadão de Imperatriz, Centro de Convenções e a Avenida Bernardo Sayão recebem melhorias estruturantes da parte de infraestrutura. Os serviços foram anunciados pelo secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, neste sábado (16) e tiveram início imediato. As obras já foram vistoriadas pela equipe da Sinfra, acompanhada de lideranças ligadas aos setores contemplados, após uma coletiva de imprensa para detalhar as ações.

Com os serviços, o Calçadão será o primeiro centro comercial coberto do Maranhão. O local será contemplado ainda com um trabalho de paisagismo, construção de quiosques, recuperação de iluminação, implementação do sistema de combate a incêndio e adequações necessárias para receber pessoas com deficiência. Já no Centro de Convenções será realizado um trabalho de climatização.

A iniciativa dará melhores condições para a realização de grandes novos eventos, além daqueles que a cidade já sedia – como a Feira do Comércio e Indústria (Fecoimp), Salão do Livro (Salimp) e Feira da Beleza. As ações impulsionam a consolidação da cidade como polo do comércio e também como polo do turismo de evento, contemplando ainda setores de alimentação, hospedagem e transporte. “Essas são obras muito importantes para Imperatriz. No caso do Calçadão leva mais dignidade para clientes, trabalhadores e lojistas. E a climatização vai dar suporte para sermos um dos maiores polos do turismo de negócio do Maranhão”, destacou o presidente da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz, Guilherme Maia.

A Avenida Bernardo Sayão passará praticamente por uma construção. Na pavimentação já está sendo realizado o trabalho de fresagem, o corte de uma ou mais camadas para aplicação de um novo asfalto. A via receberá uma ciclovia, pista de caminhada e sinalização.

Além disso, a ideia é que ela se torne mão única para melhor fluidez do trânsito. Clayton Noleto fez um balanço das ações dessa agenda na cidade. “Fizemos um balanço das ações do Governo na Região Tocantina. Mais de R$ 500 milhões nos últimos quatro anos. Anunciamos novas obras, investimentos importantes, anunciados e iniciados. O trabalho não acaba e comprova a atenção que o governo Flávio Dino tem com a região. Vamos continuar com determinação para que investimentos sejam feitos para contribuir mais para o Maranhão avançar no rumo certo”, finalizou.

Na sexta-feira (15), o secretário se reuniu com o prefeito Assis Ramos para alinhar essas ações. Fez parte das atividades também, uma vistoria a construção no novo campus da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul), que abrigará ao Centro de Ciências Agrárias.

Ascom

Codó vence Cândido Mendes e se torna bicampeã da Copa BR de Seleções

Com gols de Marcos Pimentel, Pedro e Adryan (duas vezes), a Seleção Codoense venceu a equipe de Cândido Mendes por 4 a 0 e se tornou a bicampeã da Copa BR de Seleções. O jogo aconteceu na tarde deste sábado (16) no Estádio Renné de Matos Bayma.

Com o gramado encharcado devido a intensa chuva que caiu em Codó durante todo o sábado, as equipes tiveram dificuldades para construir as jogadas. O primeiro tempo terminou com o placar magro de 1 a 0 para a Seleção Codoense.

Mais soltos e com o apoio da torcida, os jogadores de Codó partiram pra cima de Cândido Mendes e fizeram 3 gols na etapa final. Com o resultado de 4 a 0, a Seleção Codoense consagrou-se bicampeã da competição, pois também haviam conquistado o título em 2017.

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, e sua equipe de governo estiveram prestigiando todo o evento. O gestor se mostrou feliz com o título da Seleção Codoense e com a presença de mais de 2 mil torcedores no estádio.

“É um prazer muito grande poder assistir esses meninos jogarem, poder vê-los se esforçando para conquistar esse importante título para nossa cidade. A torcida também está de parabéns por ter vindo apoiar nossa seleção”, disse Nagib.

Governo do Maranhão constrói 21 escolas em municípios onde não havia prédio do Estado

Com quase 60 mil habitantes segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o município de Vargem Grande figurava, até o ano de 2015, entre as 25 cidades maranhenses sem prédio escolar da Rede Estadual de Ensino, conforme levantamento da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Com investimentos do Programa Escola Digna, nos últimos anos, o Governo do Maranhão diminuiu esse número para quatro, cujas obras estão em andamento ou constam em processos licitatórios.

Nesta semana foi entregue o primeiro prédio da rede estadual no município de Feira Nova do Maranhão, distante mais de 800 km da capital maranhense, e beneficiando, aproximadamente, 400 estudantes do Ensino Médio. A construção do Centro de Ensino Rosalina Sá contou com investimento na ordem de R$ 1.113.040,18; tem cinco salas de aula, laboratório de informática, biblioteca, banheiros adaptados, cozinha, sala de professores, secretaria e diretoria.

“Um dia especial para o Maranhão. Por determinação do governador Flávio Dino, estamos fazendo uma reparação histórica na educação maranhense. Em pouco tempo, teremos prédios da Escola Digna nos 217 municípios, graças a um governo que priorizou a educação como caminho para combater desigualdades sociais e melhorar a vida das pessoas”, destacou Felipe Camarão.

Antes da construção dessas escolas, as realidades vivenciadas pelos estudantes eram diversas: estudar em prédios cedidos, alugados, com condições precárias, salas cheias e espaços divididos com estudantes da rede municipal, por exemplo.

Fachada escola Feira Nova do Maranhão, entregue nesta semana (Foto: Lauro Vasconcelos)

Na cidade de São Pedro da Água Branca, a construção do Centro de Ensino Henrique de La Roque chegou para pôr fim à peregrinação de mais de 20 anos dos estudantes por prédios cedidos. Além disso, não tinha água gelada, a energia não era boa para fazer os ventiladores funcionarem, e todos os estudantes sofriam muito com isso. Para a aluna Vanessa Carlos, do 1° ano, o prédio novo, com salas com ar condicionado, veio para dar um certo alívio. “Ajuda a gente até a pensar melhor, porque no calor não tem como pensar de jeito nenhum, vai ser muito bom para nós estudarmos nessa nova escola”, ressaltou.

Já em Marajá do Sena, o Centro de Ensino Sérgio Dutra dos Reis, entregue há um ano, acolhe estudantes do anexo Centro de Ensino Rui Barbosa e atende os anseios dos alunos que antes passavam até três dias sem ir às aulas por conta das péssimas condições estruturais do prédio anterior. “Quando chovia alagava tudo, perdemos por diversas vezes material didático e até computadores por conta das condições precárias do antigo prédio”, contou a professora de Língua Portuguesa, Silvania Dias.

Inauguração da Escola do Campo em Lagoa Grande do Maranhão (Foto: Lauro Vasconcelos)

No município de Lagoa Grande um prédio escolar foi construído para funcionamento da Unidade Integrada Roseli Nunes, escola de educação no campo da rede pública estadual, que integra o Ensino Médio com o curso técnico de Agropecuária, no modelo da pedagogia de alternância. Localizada no povoado Kênio, no assentamento Cigra, a U.I. Roseli Nunes foi a primeira Escola do Campo entregue pelo Governo.

“Para muita gente, ter uma escola com uma geladeira, um freezer, sala de aula equipada parece pouco, mas para nós do campo representa muito. Hoje o Governo Flávio Dino deixa sua marca na história da Educação do Campo do Maranhão. Agora, a gente tem a força do Estado no campo”, pontuou a professora Maria Leomar Pereira de Sousa, no período da inauguração.

Entre os municípios maranhenses com obras em andamento ou em processo de licitação para a construção dos prédios escolares estão: Amapá do Maranhão, Brejo de Areia, Milagres do Maranhão e Serrano do Maranhão.

Ascom

Transforme seu evento contratando a TELÃO SHOW LOCAÇÃO

A TELÃO SHOW LOCAÇÃO dispõe do mais moderno TELÃO da cidade que vai atender todos os tipos de eventos.

Temos telas de 90, 120 e 160 polegadas e projetores de alta tecnologia.

Preços a partir de apenas R$ 100,00

Entre em contato através dos telefones:

(99) 99120-9988

(99) 98110-3135

O melhor galeto assado da cidade é na Galeteria Ponto Certo

A Galeteria Ponto Certo está com uma super promoção para os codoenses. Todo domingo será sorteado 1 galeto assado e 4 toscanas para todos que comprarem acima de R$ 12.

Aproveite essa deliciosa promoção e venha provar o melhor galeto assado da cidade.

Galeteria Ponto Certo – A sua melhor opção

Rua Tiradentes, 1053-B

Próximo ao Azenaurus

Codó – Maranhão

VÍDEO: crianças tapam buracos em rua de Codó

Diversas crianças foram filmadas neste sábado (16) dando uma “forcinha” ao governo municipal. Os meninos e meninas estavam tapando buracos que há vários meses incomodam os moradores da rua São Joaquim, bairro Santo Antônio, em Codó.

Enquanto a ação do governo não chega, o grupo de crianças resolveu fazer o “serviço” usando pedras para amenizar a situação e tentar nivelar a pista.

Veja o vídeo:

Gráfica de suposto esquema de candidaturas laranjas tem contratos de R$ 740 mil em Codó

A gráfica L. Ferreira Paz Sousa, citada em reportagem do Jornal Nacional em suposto esquema de candidaturas laranjas que envolve o deputado federal Cléber Verde, do PRB (saiba mais), tem contratos da ordem de R$ 740 mil com a Prefeitura de Codó.

Ao todo, segundo levantamento publicado em abril do ano passado pelo blog do Marcos Silva, foram sete contratos assinados pela gestão Francisco Nagib (PDT).

A empresa é sediada em Tuntum, no interior do estado.

Laranja?

De acordo com o JN, na campanha do ano passado a candidata a deputada estadual Marisa Rosas, do PRB, mandou fazer 9 milhões de “santinhos”.

De acordo com a prestação de contas à Justiça Eleitoral, ela gastou quase R$ 600 mil com campanha – R$ 460 mil só na gráfica de Tuntum – e obteve somente 161 votos.

Com informações do blog do Gilberto Léda

Governo do Estado cancela o programa Cartão Transporte Universitário

O Governo do Estado do Maranhão cancelou o programa Cartão Transporte Universitário. A informação foi confirmada no final da tarde desta sexta-feira (15) pelo Diretor Municipal de Juventude de Codó, Valdeci Júnior, em mensagem enviada aos estudantes que fazem parte de um grupo de WhatsApp.

“Alguns de vocês me procuraram para saber sobre a questão da edição do Transporte Universitário. Estava previsto para o dia 04, conforme anunciado pelo próprio Governo do Maranhão. E aí eu não poderia me posicionar sem que ainda um cenário estadual sobre como é que tá realmente a situação. Então por telefone eu me comuniquei com a coordenação geral do programa e, segundo eles, não vai haver. Não vai haver uma edição para este semestre”, informou.

Demostrando tristeza com a decisão do Governo do Estado, Valdeci Junior lamentou que os estudantes universitários codoenses possam ser prejudicados com o cancelamento do programa.

“Eu fico triste e ao mesmo tempo preocupado, porque se pegarmos outros municípios, São João do Sóter, por exemplo, tem 17 bolsas, tem municípios que tem duas bolsas, ao contrário de Codó. Nós já chegamos em edições com quase 300 bolsas. Então é um impacto muito grande”, lamentou.

Mesmo não atendendo os quase 500 alunos que estudam em Caxias, o programa Cartão Transporte Universitário era considerado de extrema importância para os estudantes codoenses.

O custo mensal com transporte para quem mora em Codó e estuda em Caxias é de R$ 350. O valor é considerado extremamente alto e o benefício do Governo do Estado ajudava a diminuir o impacto financeiro dos estudantes.

Com o fim da ajuda e sem o apoio do Governo Municipal, os codoenses que estudam em Caxias terão que se adaptar a uma nova realidade que não estava previsto para este semestre.

O programa

O programa Cartão Transporte Universitário tinha por objetivo apoiar em caráter suplementar estudantes maranhenses da educação superior do ensino presencial da rede pública e privada de ensino superior dos municípios maranhenses que necessitam deslocar-se diariamente de seus municípios de residência para os locais de seus cursos de graduação, mediante a transferência direta de renda.

Em três edições, o programa contemplou quase três mil jovens em todo estado que receberam um benefício financeiro no valor de R$ 800,00 (oitocentos reais) por semestre letivo para custear seu deslocamento diário no trajeto domicílio-IES-domicílio (ida e volta) não inferior a 100 km (quilômetros).