Vereadores acusam Expedito Carneiro de continuar tentando enganar a justiça

Ao que parece, a crise está instalada na Câmara Municipal de Codó. O presidente afastado, vereador Expedito Carneiro, está longe de ser uma unanimidade, principalmente após ter mudado a sua postura e o seu posicionamento diante da maioria dos colegas e do prefeito da cidade, Francisco Nagib.

Expedito Carneiro se elegeu e até se reelegeu presidente da Câmara de Vereadores, com o apoio do prefeito Francisco Nagib e da maioria esmagadora dos vereadores, mas após a vitória, aliados o acusam de ter traído a confiança do grupo.

A situação chegou ao extremo quando Expedito Carneiro foi afastado da presidência da Câmara de Vereadores. Apesar da decisão, Expedito tem relutado em cumprir e a briga foi parar na Justiça e até mesmo na delegacia, já que 13 vereadores denunciaram a confecção de uma ata falsa e registraram um Boletim de Ocorrência (veja aqui).

Neste fim de semana, através de um documento público, a maioria absoluta dos vereadores de Codó afirmaram que Expedito Carneiro estaria articulando sua volta ao cargo e que para isso estaria tentando enganar os desembargadores do Tribunal de Justiça do Maranhão. Veja abaixo o manifesto.

É aguardar e conferir o desenrolar dos fatos.

Com informações do Blog do Jorge Aragão

1 Comentário

  1. Matéria já cansou… Esse blá blá blá… Parece que tão com medo do Expedito conseguir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!