Réveillon de Todos 2018 anima público e fica marcado como “Festa do Povo”

O samba foi o gênero musical escolhido para abrir e encerrar esta edição do evento, nos dias 29 e 31 de dezembro. No sábado (30), quem animou o público foi o reggae. A festa foi realizada em dois pontos turísticos de São Luís: o Centro Histórico e a Avenida Litorânea.
Para Luana Maciel, um dos momentos mais bonitos da programação foi a abertura, com as sambistas Leci Brandão e Patativa. “O show de Leci e da maranhense Patativa foi sensacional. Acredito ser extremamente importante mantermos o nosso Centro Histórico revitalizado e ocupado, com eventos como esse, trazendo o maranhense e os turistas para movimentar a cultura e a economia”, diz.
Para ela, infraestrutura e segurança estimulam o público a sair de casa para prestigiar atrações culturais nos espaços públicos. “A organização do evento está de parabéns! Não olhei um transtorno, não vi um tumultuo, muito pelo contrário, não perde para nenhuma festa privada”, conta a estudante.
No clima de fim de ano, o estudante de direito Samuel Soares ressalta a inserção da música maranhense nos projetos da iniciativa pública. “É muito prazeroso essa unificação da música, onde se resgata a cultura de São Luís e se enaltece nossas artistas ao levá-los para o grande público. Foi uma atitude acertada do Governo do Maranhão”, pontua.
Para o maranhense Régis Garreto, de 31 anos, a festa do Governo do Maranhão foi impecável. “Eu posso falar que três dias de festa com esses gêneros musicais mais populares no nosso estado trazem um certo estímulo para receber 2018, e vale dizer, foi tudo muito bem organizado. Já estou com saudades desse período, onde as pessoas ficam mais sensibilizadas, o que deveria ser o ano todo”, avalia.
Também da plateia, a funcionária pública Eula de Assunção, de 32 anos, curtiu alguns dos shows do Réveillon de Todos. Para ela, o Governo está de parabéns pela organização do evento. “Isso aqui está maravilhoso. Aqui no Maranhão todo mundo adora samba e reggae, então, a programação foi de extremo bom gosto. Espero que essas agendas continuem, para que todos possam ter acesso ao lazer e a cultura do nosso país da mais alta qualidade, como está sendo apresentado aqui”, comenta.

Diversão segura

Para que o público presente durante os três dias de festa tivesse conforto e segurança, o policiamento foi reforçado com a presença de centenas de policiais militares destacados pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) para o período festivo. Os agentes de segurança realizaram o policiamento ostensivo nas ruas e nos pontos oficiais do evento. Com o trabalho integrado das forças policiais, mais de 500 profissionais da segurança foram mobilizados a cada dia do evento.
Os militares se concentraram nos circuitos e áreas estratégicas, no entorno dos pontos da festa, realizando rondas, abordagens e fiscalizações. Houve um planejamento envolvendo todas as equipes da Polícia Militar com acompanhamento da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur), que organizou a festividade.
Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *