Foragido da justiça, integrante do PCC é recapturado em Codó

A Polícia Civil de Codó, com o apoio da Polícia Militar, efetuou a prisão de um foragido do sistema prisional. O homem foi identificado como Wemerson Cunha da Silva, popularmente conhecido como Cunha ou Quare, de 29 anos de idade. O criminoso havia sido beneficiado com a saída temporária de Páscoa, no dia 23 de março de 2016.

Uma denúncia anônima foi feita ao delegado Rômulo Vasconcelos, que conseguiu localizar o foragido em uma área que fica entre os bairros São Pedro e São Francisco. O bandido é natural da capital São Luís e possui passagem pelo crime previsto no artigo 157 do Código Penal Brasileiro (assalto mediante a grave ameaça ou violência a vítima) e foi condenado há nove anos de reclusão em regime inicialmente fechado.

Em entrevista à uma emissora de rádio de Codó, o delegado Rômulo Vasconcelos afirmou que Wemerson teria confessado fazer parte do Primeiro Comando da Capital (PCC) do Maranhão. A organização criminosa comanda rebeliões, assaltos, sequestros, assassinatos e narcotráfico no Estado.

O delegado disse ainda que o criminoso é suspeito de ter estuprado uma criança de apenas nove anos de idade. O detento foi apresentado na 4° Delegacia Regional de Codó e será encaminhado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!