Fábio Gentil pode abandonar Paulo Marinho Júnior para apoiar Flávio Dino e Cléber Verde nas eleições de 2018

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil (PRB) pode apoiar a reeleição do governador Flávio Dino. Com as pendengas entre os dois solucionadas, graças a mediação do presidente da Assembleia, Humberto Coutinho, que garantiu o rearranjo da parceria entre governo e município na área da saúde, tudo indica que os laços entre Gentil e Dino serão estreitados culminando com uma união política.
Detalhe importante, observado pelo jornalista Jotônio Vianna em sua coluna no JP deste domingo, é a adesão do PRB, partido de Fábio Gentil, ao governo Flávio Dino. O deputado federal Cléber Verde, presidente da legenda no estado, declarou na última sexta-feira, em solenidade no Palácio dos Leões, que o Partido Republicano Brasileiro apoiará Dino em 2018.
Cléber é padrinho político do prefeito de Caxias e tem ajudado a cidade com destinação de vultuosas emendas. Uma ajuda que tem feito a diferença. Para não correr risco de perdê-la e não ficar em lado oposto ao aliado, Fábio Gentil tende a acompanhar Cléber e embarcar em uma aliança com o governador comunista, onde todos sairiam ganhando. Isso só não aconteceria no caso de Gentil deixar o PRB e romper com Verde.
Vale lembrar que Fábio Gentil apoiou Flávio Dino em 2014 e não tem compromisso com o grupo Sarney.
Outra decisão que Fábio terá que tomar é quanto a escolha do seu deputado federal. Terá que optar entre Cléber Verde e o seu vice, Paulo Marinho Júnior.
Ficou acertado no período eleitoral que Gentil apoiaria Paulo Marinho Jr. para a Câmara Federal em troca da adesão do grupo Marinho à sua campanha. Só que a política é dinâmica e as coisas mudam como a nuvem. Em outras palavras, Paulinho pode ser escanteado pelo prefeito de Caxias. Resta saber o que o ex-prefeito e ex-deputado Paulo Marinho está achando disso tudo.

Fonte: John Cutrim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!