Cemar não cumpre decisão do TJ do Maranhão

A Cemar resolveu inaugurar a temporada de desrespeito a decisões do judiciário maranhenses.  Primeiro foi o juiz Sidarta Gautama da 1ª Vara Cível de Caxias que teve uma liminar descumprida até os dias atuais.

Sidarta Gautama determinou que a Cemar religasse a energia do Sistema Veneza de Caxias que questiona na justiça cobranças de tarifas de energia indevida.  Além de ignorar a decisão judicial, a Cemar resolveu recorrer através de agravo de instrumento distribuído ao desembargador Kleber.

Ao apreciar o pedido da Cemar o desembargador não apenas negou o apelo como determinou o imediato cumprimento da decisão do Juízo de primeiro grau.

A decisão do TJ foi completamente ignorada. Para agravar ainda mais a situação o advogado da Cemar peticionou ao juiz de Caxias comunicando o cumprimento da decisão e juntando uma ordem de serviço.  Ao mandar verificar “in loco” a justiça constatou ser a informação mentirosa.

O fato poderá ensejar um pedido de prisão para os dirigentes da Cemar da justiça.

A justiça mandou religar e eles além de não cumprir a decisão ainda deram uma informação mentirosa.

Em Caxias eles nunca cumprem as decisões judiciais.  Houve uma a favor do posto Cantalice que também não cumpriram.

Fonte: Caio Hostilio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *