Caseiro demitido comandou ataque e morte aos pais do deputado Cléber Verde

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública do maranhão, apuradas pelo Jornal Pequeno, um caseiro, demitido há um mês, foi quem comandou o assassinato dos pais do parlamentar. Ele, dois menores e um adulto são suspeitos de matar maria da Graça Cordeiro Mendes e Justino Cordeiro Mendes, depois de invadirem o sítio do casal, no povoado Limão, em Turiaçu.

A suspeita é de que o crime possa ter sido praticado por vingança, pois nada foi levado da casa dos pais do parlamentar.

O crime

O crime aconteceu depois que invadiram uma fazenda, no povoado Limão, na Zona Rural de Turiaçu, na tarde desta terça-feira (14). A mãe do deputado, Maria da Graça Cordeiro Mendes, de 70 anos, foi encontrada morta dentro de casa, com ferimentos de arma branca e uma paulada na cabeça.

Policiais Civis, Militares e o Centro Tático Aéreo (CTA), já estão no local, fazendo uma varredura em toda a região para encontrar o suspeito que está foragido. As principais saídas da cidade no sentido a Governador Nunes Freire e Cândido Mendes estão fechadas.

Nota de Esclarecimento

O Jornal Pequeno, de maneira equivocada, divulgou um vídeo como se fosse do resgate dos acusados de assassinar os pais do deputado federal Cléber Verde. Imediatamente, ao ser alertado, o diretor de jornalismo do JP entrou em contato com a fonte oficial responsável pelo envio das imagens. Pelo erro, pedimos desculpas aos nossos leitores.

O Blog do Marco Silva, confiando na informação de um dos maiores jornais do Maranhão, também pede desculpas pelo erro cometido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *