Flávio Dino amplia Cidadão do Mundo enquanto Temer acaba com Ciências Sem Fronteiras

Na semana em que o Governo Federal anunciou o fim do Ciências Sem Fronteiras – programa criado com o objetivo de promover intercâmbio internacional para jovens universitários – o governador Flávio Dino deu mais uma demonstração que o Maranhão caminha na contramão da crise nacional.
Nesta quarta-feira (05), o Governo do Maranhão reuniu os 70 estudantes selecionados pelo programa ‘Cidadão do Mundo’ para intercâmbio em cidades do Canadá e Argentina. Os jovens embarcam no próximo sábado com sonhos e expectativas de experiências únicas na bagagem. No ano passado já haviam participado do programa mais de 100 maranhenses.
O equilíbrio fiscal demonstrado pelo governador Flávio Dino em 27 meses de gestão tem permitido ao Estado investir em obras físicas e sociais que estão sendo destaque no Brasil inteiro. A exemplo do ‘Cidadão do Mundo’, programa pioneiro no Maranhão e que oportuniza intercambio internacional a estudantes oriundos de escolas públicas ou de entidades paraestatais sem fins lucrativos e que estão cursando ensino superior.
Por iniciativas como essa, que vão contra a realidade financeira do país, que o governador Flávio Dino tem sido destaque nacional. E o Maranhão caminha em mares mais tranquilos do que os outros estados no momento da maior turbulência já vivenciada no Brasil desde a crise de 1930.

Fonte: John Cutrim

error: O conteúdo está protegido !!