VÍDEO: codoense preso por estuprar criança de 7 anos disse que estava com encantado

A Polícia Civil de Codó efetuou a prisão de um homem suspeito de raptar e estuprar uma criança de apenas sete anos de idade. O caso aconteceu no bairro São Francisco, em Codó, interior do Maranhão. O suspeito foi identificado como Evandro Ferreira da Silva.

A mãe da criança procurou a Polícia Civil na manhã do último domingo (20) para denunciar que seu filho teria sido raptado. Os agentes fizeram buscas pela região e obtiveram informações de que o menino estava na casa do suspeito, localizada na mesma rua onde a vítima mora. Ao chegar no local, os policiais encontram a porta da frente fechada e quando foi aberta a criança saiu nua, molhado e gritando por socorro.

Ao ser questionado pelos agentes, Evandro não soube explicar o motivo do jovem está em sua residência. Ao ser dado ordem de prisão, o suspeito resistiu e disse que estava incorporado por uma entidade, um tipo de encantado. Materiais usados na prática da Umbamba também foram encontrados no local.

Em entrevista a repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade, disse que estava voltando de uma festa de macumba e a criança lhe acompanhou até sua casa. Ele disse que o menino pediu para tomar banho e não viu problema nisso, pois conhecia a mãe dele. O suspeito também revelou que se encontrava bêbado e garantiu que não cometeu nenhum crime contra o menor.

A delegada Maria Tecla, responsável pelo caso, disse a imprensa que Evandro será indiciado por estupro de vulnerável. O suspeito foi encaminhado para o Centro de Ressocialização Regional de Codó.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *