Vendedores de lugares ameaçam codoenses que buscam atendimento na agência da Caixa em Codó

Codoenses que precisam de atendimento presencial na agência da Caixa Econômica Federal estão sendo ameaçados por pessoas que fazem parte de um esquema de venda de lugares marcados na fila de espera.

De acordo com denúncias enviadas ao Blog do Marco Silva, algumas pessoas estão usando a fila da agência da Caixa como uma espécie de negócio lucrativo. Os aproveitadores marcam de cinco a seis lugares e vendem por até R$ 30 cada um.

Mesmo que o cidadão chegue cedo, segundo relatos, é impossível conseguir um lugar entre os primeiros a serem atendidos. Quem discordar do esquema é ameaçado e até agredido.

“Estou na caixa econômica federal desde madrugada, mas quando cheguei notei uma máfia doida, pessoas marcando lugares na fila, não apenas um e sim de 5 a 6 lugares marcados. Tem poucas pessoas e fiquei quase do lado do banco do nordeste, tendo em vista a máfia da venda de lugares. Ninguém pode falar nada, pois é ameaçado até de agressão”, relatou um dos denunciantes.

Outro problema constatado no local é sobre o horário de disponibilização das cadeiras que são usadas pelos clientes do banco na fila de espera. Os denunciantes relatam que o gerente só autoriza a utilização das cadeiras a partir das 9h, quando ele chega para trabalhar.

“O gerente da caixa só autoriza a colocação das cadeiras quando ele chega, sendo q as cadeiras são para as pessoas terem um mínimo de um conforto, mas estamos em pé pq só pode colocar as cadeiras quando o gerente chegar às 09 horas”, disse outra denunciante.

Nossa equipe de reportagem não conseguiu contato com o gerente da Caixa Econômica Federal.

5 Comentários

  1. Quando os Bombeiros Civis do leandro estavam ai, o negocio ai era diferente, agente chegava e nao tinha esse negocio de compra lugar nao pq ele e a equipe botava era moral, quando constatava que era lugar vendido ele nao dava a senha e tirava na hora equipe seria, agora nao la ta e bagunçado e tem gente da caixa que ta ganhando e dinheiro com esses moto taxi e os drogados que ficam la eu mesmo paguei ontem pra hj 30 reais um absurdo.

  2. cade a policia, e facil resolver isso ai, basta querer.

  3. La tem esquema sim com funcionários da CEF….e muita gente sabe disso e ninguém faz nada.

  4. Benedito Pereira de Sousa neto

    O gerente que é o senhór Ricardo ele sim querer que só coloque as cadeiras quando ele chega que não é pago nem pela caixa e nem pelo municipio e sim por aquele senhor que fica tirando xerox facilitando para o povo o acesso das cópias de seus documentos para entrar na caixa já com as copias em maos que já é uma dificuldade só para entrar para ser atendida.
    EQuanto era para ter uma preocupação em fazer um bom atendimento ao público fica se preocupando com pessoas que só quer o pão de cada dia em todo lugar do país e do mundo existe pessoas na rua caçando um meio de sobrevivência principalmente nessa pedem ia que estamos passando que não tem serviço eu sou um que não tenho nada haver com quem vai guarda o Guadalupe vagalera na fila.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *