Ribamar Carvalho e Nagib são denunciados por suspeita em contratos de R$ 19 milhões

Em mais um capítulo da série de investigações seguidas de denúncias ao Ministério Público do Estado do Maranhão (MPMA), o vereador Domingos Reis acusa quatro pessoas e duas empresas de estarem envolvidos em um esquema suspeito com a Prefeitura de Codó, envolvendo 55 contratos no valor total de R$ 18.699.641,41.

De acordo com Domingos Reis, desde o início de 2017, a Prefeitura de Codó tem fechado vários contratos com valores vultuosos com as empresas LAUREA CONSTRUÇÕES LTDA e REVENDEDORA DE GAS BUTANO SAO JOSE LTDA. O edil afirma que as duas pertencem a pessoas ligadas ao advogado José de Ribamar Oliveira Carvalho, Procurador Geral do Município de Codó.

O vereador apresenta provas de que Ribamar Carvalho já foi sócio administrador da REVENDEDORA DE GAS BUTANO SAO JOSE LTDA, que anteriormente tinha como nome empresarial J. R. O. CARVALHO & CIA LTDA, que se referem as iniciais do nome do advogado. No entanto, ele teria vendido sua parte da empresa por R$ 12 mil para a irmã, Cláudia Regina Carvalho Barroso.

Domingos Reis afirma que o fato mais grave é que as empresas “LAUREA CONSTRUÇÕES LTDA” e “REVENDEDORA DE GAS BUTANO SAO JOSE LTDA” estão diretamente ligadas ao chefe da Procuradoria Geral do Município, sendo este órgão o responsável pela emissão de pareceres sobre editais e minutas de contratos, julgamento de recursos nos processos de licitação, dentre outros atos relacionados a contratações no Município de Codó.

“Estamos diante de mais um caso no Município de Codó em que familiares, amigos e apadrinhados de pessoas que comandam a administração municipal são detentoras de contratos milionários com esta municipalidade”, descreveu Domingos Reis.

O parlamentar codoense destaca que a fortes indícios de DIRECIONAMENTO DE LICITAÇÃO E DA EXISTÊNCIA DE ILEGALIDADES NA CONTRATAÇÃO das empresas descritas na presente denúncia, principalmente pelo fato de que ambas as empresas pertencem à irmã e ao cunhado do Procurador Geral do Município.

Domingos Reis também assegura que há fortes indícios que as empresas estão sendo utilizadas por pessoas próximas à administração pública para desviar recursos pertencentes à população codoense. A LAUREA CONSTRUÇÕES LTDA, por exemplo, recebeu pagamentos relativos à recuperação de estradas vicinais e pontes no valor de R$ 4 milhões. No entanto, o edil mostra fotos que comprovam a situação deplorável das estradas e pontes da cidade de Codó.

O vereador encerra a denúncia destacando que os fatos narrados e comprovados demonstram que os denunciados estão cometendo ilícitos civis e penais. Domingos Reis pede que o MPMA faça uma investigação mais profunda da denúncia e tome as medidas cabíveis a fim de coibir qualquer malversação e desvio de recursos públicos. 

É importante destacar que a Prefeitura de Codó fechou 43 contratos com a LAUREA CONSTRUÇÕES LTDA, no valor total de R$ 17.577.883,58, e 12 contratos com a REVENDEDORA DE GAS BUTANO SAO JOSE LTDA, que somam o montante de R$ 1.121.757,83. Todos os acordos foram fechados nos dois anos e meio do governo de Francisco Nagib.

6 Comentários

  1. Eita governo ladrao do caralho, esse prefeito é u cumpra-se Cobel estão depenando o município

  2. Rapaz aonde esse Procurador Geral se meteu e denunciado por um amigo de longas datas. Kkkk. É muito despreparo e ainda queima toda a classe que não é conivente com toda essa panacéia. Aonde está a OAB de Codó que esta calada e muda desde o escândalo da Empresa Mundo do Bebê.kkkk

  3. Todo e todos com o rabo preso!!!

  4. Mas disseram que rico não precisaria roubar prefeitura, né!?

  5. E agora José…como explicar o inexplicável. Por enquanto não dá nem pra pegar umas aulas com o que lava, o Sérgio……

  6. Esse Procurador nao respeita nem os Advogados. Trai todos em nome do seu interesse pessoal. Aqui se faz aqui se paga. Que vergonha. Quero ver como será agora como Réu do. MPE. Kkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *