Residencial Santa Rita sofre com falta d’água e população fica mais vulnerável ao coronavírus

Em tempos de coronavírus, mais importante que higienizar as mãos com álcool em gel é lavá-las com água e sabão diversas vezes ao dia. Esta é uma das mais principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde para que a população consiga combater a pandemia em todo o mundo. Mas a realidade do Residencial Santa Rita está muito distante do ideal para evitar a covid-19.

Há cerca de uma semana os moradores da região sofrem com frequentes interrupções do fornecimento de água. É o que está ocorrendo neste exato momento. Os moradores reclamam que o local está sem água desde às 10h30 de ontem (06).

“Marcos ajuda aí agente do residencial Santa Rita e pq desde de 10:30 de ontem que não tem água. Um dia desses era o cano entupido, depois foi a bomba e hj falaram que era a Equatorial estava fazendo serviço no poço”, relatou um morador.

Por meio de um comunicado, compartilhado nas redes sociais manhã desta quinta-feira (07), o SAAE afirma que a empresa Equatorial Maranhão realizou manutenção na rede de abastecimento PT 34. Como ninguém é obrigado a saber o nome da rede que passa por seu bairro, vamos deduzir que a PT 34 fique no Residencial São Pedro.

O comunicado não esclarece quando o problema será resolvido.

1 Comentário

  1. A mais de um mês que vem se estendendo esse problema,foi preciso a União de moradores do residencial sta Rita em torno da causa e divulgar a imprensa através de bolgs e redes sociais para que o SAAE tomasse atitude…algo que deveriam ter solucionado a mais tempo sem causar constrangimentos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!