Rede estadual de saúde passa a oferecer especialidades inéditas no Maranhão

A rede pública estadual de Saúde está sendo equipada para oferecer novos atendimentos em diversas especialidades. São tratamentos que nunca tinham sido oferecidos aos pacientes e que, agora, estão sendo implantados.
Um dos exemplos é o Hospital de Traumatologia e Ortopedia que está sendo construído em São Luís, com 44 leitos. A unidade vai oferecer assistência especializada e atendimento de alta complexidade, com equipamentos modernos e médicos especialistas.
A equipe médica da unidade será formada por mais de 40 ortopedistas com especialidades em cirurgias de ombro e cotovelo, joelho, quadril, coluna, mão e microcirurgia, pé e tornozelo, trauma e ortopediatria.
No município de Caxias, a novidade será o serviço de oncologia, inédito na região, que será disponibilizado ao público em 90 dias. “Vamos fazer alguns ajustes prediais, sabemos do problema que temos no leste maranhense em relação a essa assistência na oncologia. Por isso, passaremos a dispor desse serviço de urgência e emergência em Caxias”, acrescenta o secretário de estado de Saúde, Carlos Lula.
Apoio
Na próxima semana, o Governo do Maranhão entrega a Casa de Apoio Ninar, que funcionará na antiga Casa de Veraneio dos governadores, na Praia de São Marcos, uma das áreas de maior valor imobiliário de São Luís.
O serviço na Casa de Apoio Ninar é uma extensão do atendimento realizado pelo Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças (Ninar). Os pais e mães que vêm do interior terão nesse anexo um local para ficar em São Luís para acompanhar os filhos de perto.
A Casa Ninar tem cinco consultórios para atendimento multiprofissional e capacidade para receber 11 adultos e 9 crianças nas áreas dos dormitórios. A casa ainda oferece quadra para atividades em grupo, lavanderia, copa e outros equipamentos.
O governo também decidiu construir uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) pediátrica no Hospital Infantil Dr. Juvêncio Mattos, com dez leitos a disposição para atendimentos pré-operatórios, cirurgias e pós-operatórios. A unidade vai atender crianças portadoras de cardiopatia congênita, que é uma alteração nas funções do coração.
“Será oferecido todo suporte para o paciente, com triagem, realização de diagnósticos e encaminhamentos cirúrgicos. Termos no Brasil uma deficiência crônica neste tipo de atendimento pediátrico, mas, daqui para frente, o Maranhão será um estado de referência, sanando este problema de saúde infantil”, diz Marina Sousa, gestora da Unidade de Regulação, Controle e Avaliação do Sistema de Saúde.
Mães
Outro exemplo de atendimento inédito é a UTI Materna da Maternidade Marly Sarney, a primeira do estado voltada especificamente para o cuidado com as mães. Também é a única da rede pública do Maranhão a contar com um sistema de monitoramento da situação clínica de cada paciente via celular. A nova tecnologia facilita o acompanhamento das pacientes na UTI materna pela equipe médica.
Sorrir
Centro Odontológico de Crianças e Adultos – Sorrir, a ser entregue no segundo semestre deste ano, vai eliminar uma carência na área odontológica, oferecendo atendimento especializado e atuando como referência estadual para o diagnóstico precoce do câncer bucal.
O Sorrir funcionará ao lado da Farmácia Estadual de Medicamentos Especializados (Feme), na Praia Grande, em São Luís. A proposta do centro é oferecer serviços especializados em áreas odontológicas como restauradora, endodontia, próteses dentárias, periodontia, cirurgia bucomaxilo, estomatologia e odontopediatria.

Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!