Projeto que proibia SAAE de cobrar taxa de religação da água é vetado pelo prefeito Nagib

De autoria do vereador Arlindo Salazar, o Projeto de Lei que visava acabar com a taxa de religação de água cobrada pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), foi vetado por Francisco Nagib. Agora cabe aos vereadores derrubar ou aceitar o veto do prefeito de Codó.

A lei foi aprovada em novembro pelos vereadores e aguardava apenas a sanção do prefeito Francisco Nagib para entrar em vigor. Arlindo Salazar considera a taxa abusiva.

“A presente propositura visa corrigir uma situação que entendemos ser injusta, visto que a religação desses serviços decorre do adimplemento e este obriga o restabelecimento do fornecimento de água”, explicou.

Será que os vereadores terão coragem de enfrentar Nagib e sancionar a lei derrubando o veto? Isso só saberemos no retorno do recesso.

4 Comentários

  1. Vereadores todos paus mandados, dificilmente ficaram do lado da população.

  2. Espero que o vereador Valdek Frota se posicione contrário ao veto do prefeito

Deixe uma resposta para Alegria Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!