PROCON emite nota de esclarecimento sobre matéria publicada no blog

O Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Estado do Maranhão (PROCON/MA) emitiu uma nota de esclarecimentos sobre a matéria publicada neste Blog com o título “Fiscalização do Procon não deu em nada e gás de cozinha em Codó continua um dos mais caros do Brasil
Veja a nota:
Em resposta a matéria “Fiscalização do Procon não deu em nada e gás de cozinha em Codó continua um dos mais caros do Brasil” publicada dia 16 de outubro, no blog, o Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (PROCON/MA), esclarece que realizou, na cidade de Codó, dia 26 de maio, uma fiscalização em todos os revendedores de gás do município.
O órgão informa que na ocasião foram notificadas 04 empresas para que apresentassem planilhas de custos, documentos de regularização e justificativa para o valor cobrado. Obtendo logo em seguida, as respostas para a determinação.
O PROCON informa, ainda, que não pode impedir o aumento dos preços dos botijões de gás, uma vez que, trata-se de uma política apresentada pela Agência Nacional de Petróleo. O órgão realiza, sim, frequentemente ações de fiscalização, em todo o Estado, que garantem o combate à abusvidade no valor do preço do gás de cozinha, além é claro, da revenda ilegal.
O Instituto solicita, sempre, aos consumidores que, caso encontrem irregularidades e preços abusivos, formalizem a denúncia nos canais de atendimento do PROCON, por meio do site, redes sociais e aplicativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *