Para Flávio Dino, Roseana é a adversária ideal: “ela deve disputar”, desafia

Com um índice de rejeição altíssimo nas pesquisas, Roseana Sarney está sendo forçada pela família a ser candidata ao governo. O objetivo é garantir a eleição do ministro Sarney Filho ao senado.
O grupo Sarney sabe que precisa de uma candidatura competitiva ao Palácio dos Leões para assegurar uma das vagas ao senado. Roseana, como o nome mais forte do clã, está sendo convencida a ir ao sacrifício para sobrevivência da oligarquia, mesmo sabendo que a derrota para Flávio Dino é iminente.
Só que a filha de Sarney não quer correr o risco de encerrar sua carreira política com uma derrota. Por isso, reluta até agora em anunciar oficialmente que concorrerá outra vez ao governo (ora, a pouco mais de um ano da eleição Roseana já deveria está em pré-campanha, porém o medo de perder para Dino a impede de anunciar que é candidata). Enquanto isso, vai ganhando tempo diante da pressão da família. Caso abdique do sacrifício imposto, Roseana sabe que perderá o protagonismo do grupo com o surgimento de novas lideranças na família, entre as quais Adriano Sarney.
Já para Flávio Dino, ter Roseana como adversária é o ideal. O comunista acredita que a comparação entre os dois governos o favorecerá, tendo em vista que as gestões da Branca foram marcadas pelo atraso, miséria e muita corrupção. As pesquisas mostram que a população prefere continuar com o que está a retroceder.
Roseana deixou o Maranhão nas últimas colocações em avanço e desenvolvimento, com altos índices de violência e os piores indicadores sociais.
Em entrevista concedida ao portal UOL no mês de maio deste ano, o governador Flávio Dino comentou sobre a possibilidade de enfrentar a ex-governadora Roseana Sarney na eleição do próximo ano. “Acho que, se ela tem vontade, deve disputar, é bom para o Estado”, afirmou Dino.
Questionado se gostaria de enfrentar a filha de Sarney, Flávio Dino respondeu:
“Eu acho que qualquer resposta que der é inócua. Não sou eu que vou definir. Que é o ‘sarneyzismo’ nosso maior adversário, não há dúvida. Eles mantêm uma agenda política importante no país e no Estado; têm meios de comunicação, parlamentares. São a principal força política da oposição. E eles têm síndrome de abstinência, têm muita falta das coisas que o poder possibilitava a eles. E manifestam isso diariamente, que têm muitas saudades dos privilégios e vão tentar restabelecer o governo de privilégios, porque era bom para eles”, declarou o comunista.

Fonte: John Cutrim

Mulher é presa em Codó com quase 1 quilo de maconha

A Polícia Militar de Codó, prendeu, Josélia Moreira da Costa, moradora da rua da Paz, Codó Novo, por ter sido flagrada com uma motocicleta Yamaha Factor, placa AHE 6690 (falsa), sendo que o verdadeiro número da placa é NWY 4336.

A guarnição que prendeu a mulher foi informada, através da Central de Operações da Polícia Militar – COPOM, que a suspeita possuía maconha enterrada no quintal da sua casa. Após ser realizada uma busca minuciosa, foi encontrado 121 (cento e vinte e uma) gramas de porção de maconha prensada e um tablete de maconha prensada de 875 gramas, totalizando 965 gramas.

A acusada foi conduzida para 4º Delegacia de Polícia Civil para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Adriano enquadra governistas e cobra investimentos na Educação

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) rechaçou o discurso repetitivo da base governista sobre construção e reforma de escolas no Maranhão, nesta quarta-feira (2), na tribuna da Assembleia. “Esse é um governo de propaganda e eu mostro isso com números, documentos e fotos. Digo isso por que eu fui à Região Tocantina e visitei diversas escolas, entre outras obras, e verifiquei a realidade contrastante dos fatos”, declarou o parlamentar, que cobra do governo comunista informações detalhadas sobre os recursos do BNDES para a Educação, que tinham sido destinados à área desde o governo Roseana Sarney.
Segundo Adriano, há suspeitas de que o governo esteja mascarando a real extensão das reformas. “Na propaganda oficial são mostradas as mesmas fotos de reformas de escolas, repetitivamente, como se fossem dezenas, mas a realidade é que em três anos de mandato foram construídas apenas nove unidades do Escola Digna”, declarou.

Vereador Nonato Sampaio e seus esforços para a construção da MA/026 entre o Km 17 e Triangulo

O vereador Nonato Sampaio, do partido SOLIDARIEDADE,  é um dos parlamentares da cidade de Codó que tem se esforçado para que o governo do Maranhão construa a MA-026 que fica entre o Km 17, zona rural de Codó e o povoado Triângulo. O trecho é um dos mais sofridos desde o governo da ex-governadora Roseana Sarney, já foram muitas as promessas para a construção desse trecho, mas algo de concreto mesmo, nunca surgiu.
ESFORÇOS DO VEREADOR NONATO SAMPAIO
O vereador Nonato Sampaio tem sido um incansável em fazer com que o trecho seja construído e assim beneficiar inúmeros moradores na região, como também facilitar o trajeto para quem precisa ir a Dom Pedro, Gonçalves Dias, Capinzal, Gov. Archer e muitos outros municípios que ficam na região central do estado do Maranhão. O parlamentar inclusive já esteve algumas vezes com o secretário de infraestrutura do estado, o senhor Cleyton Noleto, no sentido de saber como está o andamento do projeto para a construção da estrada. Na vinda do governador Flávio Dino a Codó, no último dia 26/07, o vereador Nonato Sampaio aproveitou, mais uma vez, para cobrar de Noleto e do governador a realização desse trabalho.
O NOVATO ATUANDO
O vereador Nonato Sampaio está em seu primeiro mandato mostrando que é possível fazer uma política diferente, dando exemplo de que legislar em causa própria, não é sua missão como vereador e sim criar projetos em benefício do povo, além de cobrar do governo aquilo que de fato precisa ser cobrado.

Fonte: Blog do de Sá

Marcelo Coelho entrega cercamento do Parque Estadual do Sítio Rangedor

“Não é apenas uma cerca. É uma proteção das áreas de recargas de aquíferos, da fauna e flora do parque”. Com essas palavras o Secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Marcelo Coelho, entregou o cercamento do Parque Estadual do Sítio do Rangedor. Uma obra executada por meio de Termo de Compromisso celebrado entre SEMA e Vale S.A.
Durante o evento, o gestor ainda anunciou a obra que realizará no local, transformando o Parque em outro grande espaço de lazer e esporte do Maranhão. “As obras já foram licitadas fase de licitação e, em breve, São Luís terá mais uma área de preservação ambiental também transformada em espaços de integração social, lazer e esporte. Vai ser outra grande obra”, disse o gestor.
Ainda de acordo com o gestor, “o Governo do Maranhão cumpre mais uma vez um compromisso junto à sociedade em não medir esforços para preservar as Unidades de Conservação. É um compromisso nosso com a comunidade local. Firmar esse compromisso significa garantir a proteção dessa área tão nobre na cidade de São Luís”.
Ela, ainda, aproveitou a ocasião para citar os diversos parques ambientais que a SEMA está construindo nos municípios de Codó, Balsas e Bacabeira. Outros já estão em fase de estudo. “A ideia é favorecer momentos de lazer e a prática de esportes, além de propiciar a interação da população com a natureza”, destacou ele.
Plano de Manejo  
A SEMA já finalizou o Plano de Manejo do Parque Estadual do Sítio do Rangedor. Por meio do estudo, caracterizou-se o local nos âmbitos biofísico, socioeconômico e institucional. O Plano de Manejo é o principal instrumento de gestão de uma Unidade de Conservação (UC), que estabelece, com fundamento nos objetivos gerais e do diagnóstico socioambiental de uma unidade de conservação, o seu zoneamento e as normas que devem presidir o uso da área e o manejo dos recursos naturais, inclusive a definição de plano de gestão e programas temáticos e a implantação das estruturas físicas necessárias à gestão da unidade.
O Parque
A unidade de conservação foi criada pelo Decreto nº 21.797, de 15 de dezembro de 2005 a princípio na categoria de Estação Ecológica. Sua categoria foi redefinida pela Lei nº 9.864, de 04 de julho de 2013, quando passou a integrar a categoria da unidade de proteção integral. Localiza-se no município de São Luís, com uma área total de 126 hectares, a Estação Ecológica do Sítio do Rangedor garante a proteção de uma importante área de águas subterrâneas e funciona como reguladora climática da ilha de São Luís. A área abriga a fauna e flora remanescentes da urbanização da Ilha de São Luís, atuando, como refúgio para espécies como jacaré, raposa, cotia e diversas aves.

CONFIRMADO – Bradesco cuidará da folha de pagamento dos servidores da prefeitura pelos próximos 5 anos

A prefeitura Municipal realizou no último dia 21 de junho, às nove horas da manhã, o processo de licitação para a contratação do banco que vai assumir a folha de pagamento dos servidores ativos, inativos, pensionistas ou qualquer outra pessoa que mantenha ou venha manter vínculo de remuneração com o município de Codó/MA.
Foi publicado no Diário Oficial do Estado do Maranhão a confirmação de que o BRADESCO é a nova agencia bancaria que ficará responsável por fazer o depósito do salário de 4.250 funcionários ativos e inativos durante os próximos 60 meses (cinco anos).

A assinatura do contrato foi feita no dia 13 de julho e a Prefeitura de Codó vai faturar R$ 2.100.005,00 (dois milhões, cem mil e cinco reais). O banco tem até o dia 13 deste mês para efetuar o pagamento em conta indicada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.
Lei da portabilidade
A mudança de banco deverá acontecer nos próximos dias, no entanto os funcionários da prefeitura poderão fazer uma conta-salário em outra agencia bancaria por causa da lei da portabilidade, onde o valor de pagamento é repassado automaticamente à instituição financeira de preferência do trabalhador.

Chiquinho do SAAE será candidato a deputado estadual com o apoio do prefeito e vice de Caxias

O Blog do Marco Silva recebeu a informação de que o ex-vereador codoense Chiquinho do SAAE deverá disputar o cargo de deputado estadual nas eleições do ano que vem.
Chiquinho, que é considerado um dos políticos mais queridos e respeitados do município de Codó, vai concorrer ao cargo pela primeira vez e, segundo nossa fonte, deverá contar com o forte apoio do prefeito de Caxias, Fábio Gentil, e seu vice Paulo Marinho Junior.
Chiquinho do SAAE confirma sua candidatura
No final da semana passada conversamos com Chiquinho do SAAE que confirmou sua intenção de tentar ser eleito deputado estadual, no entanto o ex-vereador garantiu que não existe nenhuma garantia de apoio a sua possível candidatura vinda da cidade de Caxias. Chiquinho garantiu que o prefeito de Caxias é um grande amigo seu, mas ainda não conversaram sobre essa possibilidade.
Candidatura a prefeito
É importante lembrar que Chiquinho do SAAE disputou no passado a eleição para prefeito de Codó e obteve 4.360 votos, ficando em 4° lugar atrás de Pedro Belo (5.924 votos), Biné Figueiredo (20.339 votos) e Francisco Nagib (24.359).

Governo de Nagib recebeu R$ 9,6 Milhões somente no mês de julho

O prefeito de Codó Francisco Nagib finalizou o sétimo mês de seu governo com as contas da prefeitura abarrotadas de muito dinheiro. Foram, exatos, R$ 9.601.830,27 (nove milhões, seiscentos e um mil, oitocentos e trinta reais e vinte e sete centavos), recebidos nos trinta e um dias do mês de julho.

Somente para o setor educacional, o prefeito recebeu a quantia de R$ 3.805.238,39 (três milhões, oitocentos e cinco mil, duzentos e trinta e oito reais e trinta e nove centavos).

Os recursos recebidos por Francisco Nagib no mês de julho são um pouco menores do que os recebidos no mês de junho, quando a prefeitura arrecadou R$ 12.177.145,01 (doze milhões, cento e setenta e sete mil, cento e quarenta e cinco reais e um centavo), em 30 dias.

“Tentei anular o impeachment e o tempo mostrou que eu estava correto”, declara Valdir Maranhão em passagem por Codó

O deputado federal Waldir Maranhão (PP-MA) assumiu, no mês de maio do ano passado, a presidência interina da Câmara dos Deputados. Na época o parlamentar anulou a votação do processo de impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff.
A decisão do deputado maranhense gerou uma onda de revolta de grande parte da população brasileira e rebelou seus colegas parlamentares. Waldir Maranhão não suportou a pressão e revogou sua decisão de anular impeachment.
Decisão acertada
Waldir Maranhão foi recebido em Codó por seu grande aliado Paulinho Baião
Na semana passada, durante passagem pelo município de Codó, Waldir Maranhão concedeu uma entrevista exclusiva ao Blog do Marco Silva e afirmou que o tempo mostrou que sua decisão de tentar anular o impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff foi acertada.
“Estou no meu terceiro mandato de Deputado Federal, mandato este que me permitiu, por exemplo, ter sido presidente da câmara de deputados, ter sido presidente no momento mais delicado da história da república, que foi enfrentar, fui contra o impeachment da presidente Dilma, tentei anular o impeachment e o tempo mostrou que eu estava correto. Nós temos hoje uma crise política, uma crise econômica, uma crise social, há um pânico na política brasileira, esse pânico na política brasileira certamente o povo está acompanhando passo a passo quem é cada um nesse processo. Nós estamos nessa caminhada e ser pré-candidato, nesse momento, ao senado federal é buscar no passado e no presente quais são as nossas possibilidades reais”, declarou o deputado.
Waldir Maranhão está tentando viabilizar sua candidatura ao senado federal e deverá compor chapa com o governador Flávio Dino.

Wellington propõe selo “Empresa Amiga da Pessoa com Deficiência”

Com o objetivo de reconhecer as empresas do Maranhão que promovem a igualdade social, o deputado estadual Wellington do Curso (PP) apresentou, na Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei 185/2017 que cria o selo “Empresa Amiga de Pessoa com Deficiência”. O projeto é uma forma de respeito e da inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho.
Ao fundamentar o projeto, Wellington mencionou a Lei Federal 8.213/1991, que trata sobre o percentual mínimo de vagas a serem preenchidas por pessoas com deficiência.
“Reconhecer as empresas comprometidas socialmente acaba por ser um incentivo para que elas extrapolem o mínimo previsto em Lei Federal e, assim, se concretize o real sentido da inclusão. Por isso, o selo ‘empresa amiga da pessoa com deficiência’ acaba por ser um reconhecimento e incentivo à essas empresas que, de fato, se comprometem com a inclusão. Não podemos admitir que a pessoa com deficiência seja colocada de lado. Ao contrário, ela pode sim contribuir para o desenvolvimento econômico do nosso Maranhão também. E isso deve ser incentivado”, afirmou Wellington.
ENTENDA O PROJETO – O Selo “Empresa Amiga da Pessoa com Deficiência” será concedido às empresas que adotem as seguintes medidas:
I – a disponibilização de vagas que extrapolem o mínimo de reserva de vagas previsto na Lei 8.213/1991;
II – habilitar, minimamente, os funcionários da empresa por meio de curso de formação em Língua Brasileira de Sinais (Libras) e/ou curso de Braille, a fim de garantir um ambiente em que haja, de fato, a comunicação e relação entre funcionários.
III – garantir a acessibilidade na estrutura física da empresa.

Pastor Max realiza visita de trabalho na comunidade Bacabal do Berílio

Continuando seu cronograma de visitas de trabalho nas comunidades rurais de Codó, o vereador Pastor Max foi até o povoado Bacabal do Berílio. Acompanhado do professor Miguel e a equipe de seu gabinete, o edil retomou sua agenda de trabalhos na extensa zona rural do município de Codó, assim como também realiza nos bairros e periferia do perímetro urbano.
Uma vez encerrado o período chuvoso, nós retomaremos a série de visitas nessas localidades, obtendo in loco as demandas dos moradores, suas dificuldades e urgências. E buscando, em parceria com o prefeito Nagib, resolver todos os problemas da melhor maneira possível”.
No Bacabal do Berílio, uma das questões levadas ao parlamentar era relativa às vias de acesso. “É uma região importante, extensa, mas que ainda sofre com alguns problemas em relação às vias de acesso, como as estradas que ligam Bacabal do Berílio, Boa Esperança, Sororoca, Pau Ferro, Bacaba, Bom Jesus, até o Mundurí”, explicou Max.
Um ponto de reivindicação da comunidade Centro dos Monteiros foi sobre a reforma e a ampliação da escola da localidade. Os moradores também lutam para que a unidade de ensino seja o pólo da região. “Uma vez que lá estão a maioria das crianças e famílias que utilizam da escola é plausível que eles pleiteiem que esta unidade seja o pólo”.
Outro pedido feito pelos moradores do Bacabal do Berílio e região foi para a implantação de mais um poço artesiano e um sistema de abastecimento, além da construção de uma ponte ligando até o Centro dos Monteiros e Pé de Pano e a colocação de iluminação pública. “Nos períodos de estiagem mais intensos os moradores só podem utilizar a água no período da manhã. Eles também precisam de melhor acesso e iluminação pública. Nossa função como parlamentar, sendo votado aqui na região ou não é de lutar pelas políticas públicas e melhorias de vida da comunidade”, afirmou o vereador.
O vereador Pastor Max também informou que já foi dada a ordem para a limpeza do campo de futebol, reivindicação dos moradores, para a realização de atividades esportivas e torneios.

Ascom

Andrea Murad quer auditoria em contratos da EPENG no Governo Dino

A deputada estadual Andrea Murad (PMDB) revelou ontem (01) durante discurso na Assembleia Legislativa, que a EPENG – Empresa Projetos Engenharia LTDA – recebeu pagamento do governo Flávio Dino referente a um contrato reincidido pela gestão passada por diversas irregularidades.
A empresa teve o contrato rescindido em 14 de abril de 2014 unilateralmente por não cumprir cláusulas contratuais como atraso no início da obra, subcontratação de empresa para execução, não cumprimento de prazos, entre outros. Mesmo assim, em maio de 2015, a gestão Flávio Dino pagou R$ 1.601.370,30 para a EPENG. Para a deputada, a empresa deveria estar no Cadastro de Inadimplente e, sequer, poderia participar de licitações do Governo, que na gestão atual venceu duas licitações, culminando em contratos que chegam quase a R$ 100 Milhões.
“Mesmo o governo anterior tendo rescindido esse contrato, estranhamente o Governo Flávio Dino decide fazer um pagamento de mais de um milhão e meio de reais, quando na verdade o governo não paga ninguém, deu calote nas empresas que realmente executaram serviços. Então, por que pagou essa que era para estar inadimplente com o governo? Quero fazer inclusive um alerta, são muitos os empresários que não receberam até hoje por serviços executados. E no Governo Flávio Dino, essa empresa que teve seu contrato rescindido pela ex-governadora por não cumprimento de cláusulas contratuais, recebeu poucos meses depois que Flavio Dino assumiu, está aqui o comprovante. E não satisfeito, o Governador Flávio Dino dá a EPENG a oportunidade de participar de licitações. Licitações muito suspeitas. E ainda vence duas licitações de quase cem milhões de reais”, discursou.
Andrea Murad relembrou ainda o fato do proprietário da EPENG, Francisco Antelius Sérvulo Vaz, estar sendo investigado pela Polícia Federal do Tocantins por lavagem de dinheiro, onde teria desviado R$ 9 Milhões referentes a serviços não executados, e que ainda em seu depoimento confessou ter pago propina para fiscais fraudarem medições e assim garantir liberação de recursos. Fatos considerados pela líder de oposição de extrema gravidade e que também merecem atenção dos órgãos fiscalizadores para os contratos da EPENG com o atual governo do Maranhão, que precisam ser auditados.
“Isso é escandaloso e mais do que suspeito. Pedirei informações ao secretário Noleto para que explique por que foi pago esse montante de um milhão e seiscentos mil, sendo que a empresa teve o contrato rescindido no governo anterior. Explicar por que ele decidiu pagar esse dinheiro para uma empresa que não cumpriu com suas obrigações. Quero saber por que, ao invés da empresa ser penalizada, ainda ganhou de presente a participação em licitações milionárias nas quais saiu vencedora. Estou curiosa para saber quanto de propina este governo deve estar recebendo, porque se a empresa confessa que dava propina no Tocantins, aqui a prática não deve ser diferente, até porque de propina o governador entende bem, já que ele mesmo saiu com mochila de dinheiro na mão fruto de propina da Odebrecht. E como a secretaria da transparência só existe para perseguir inimigos políticos do governador e não faz seu papel, irei acionar todos os órgãos competentes para que tomem as medidas cabíveis, o Ministério Público, o Tribunal de Contas, se tiver recursos federais, a Controladoria Geral da União, para auditar esses dois contratos da gestão do Governador Flávio Dino, porque nós não podemos fechar os olhos para mais esse escândalo neste governo”, disse a deputada.
Mais informações – A EPENG possui dois contratos na SINFRA-MA. Um referente a pavimentação da MA-034, que liga Buriti Bravo a Café Buriti e outro contrato referente a construção da ponde sobre o Rio Pericumã, ligando Bequimão a Central do Maranhão. Os contratos somam quase R$ 100 Milhões, sendo pagos mais de R$ 11 Milhões pelo governo Flávio Dino.

Raro morcego com duas cabeças é encontrado no Espírito Santo

RIO — Casos de gêmeos siameses entre humanos são bastante estudados, mas entre outras espécies animais os relatos na literatura científica são raros. Os morcegos, a segunda maior ordem de mamíferos, são abundantes em todo o mundo, especialmente nas regiões tropicais, mas até agora apenas dois casos de xifopagia eram conhecidos. O terceiro acaba de ser descrito, com um espécime encontrado no Brasil.

Um estudo publicado mês passado no periódico “Anatomia, Histologia, Embryologia” descreve um morcego encontrado embaixo de uma mangueira na cidade de Viana, no Espírito Santo, em 2001. Desde então, o raro espécime foi mantido numa coleção do Laboratório de Mastozoologia, da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, mas só agora foi analisado.

Segundo as características físicas, o animal foi identificado como sendo do gênero Artibeus, que provavelmente morreu logo após o nascimento, pois ainda tinha a placenta presa ao corpo. O morcego — ou os morcegos — tem duas cabeças independentes ligadas a duas colunas vertebrais, que se fundem na região lombar. Por esse motivo, o tórax é maior que o normal.
Os membros superiores e inferiores, incluindo a asa, são semelhantes a animais sadios. O morcego tem apenas uma pélvis, um pênis e um cordão umbilical. Com exames de ultrassom, os pesquisadores identificaram dois corações independentes, mas os outros órgãos internos não puderam ser detectados.
Trata-se de um caso de gêmeos dicéfalos parapagos — com duas cabeças e fusão ventro-lateral —, o segundo mais prevalente entre humanos, respondendo por 11,5% dos caso de xifopagia. Entre morcegos, não existem dados suficientes, já que este é apenas o terceiro caso descrito na literatura científica.

Fonte: O Globo