SEMA divulga resultado de vistoria no Riacho do Ponte, em Caxias

A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) realizou, no dia 27 de maio, uma vistoria ao Riacho do Ponte, no município de Caxias, Estiveram no local, o Secretário de Meio Ambiente, Marcelo Coelho,  o Superintendente de Recursos Hídricos, Raimundo Medeiros, e dos técnicos do Laboratório de Análises Ambientais (LAA/SEMA), acompanhados do Secretário de Agricultura Familiar do Maranhão, Adelmo Soares, vereadores e secretários municipais de meio ambiente da região.
A vistoria ocorreu após a SEMA receber denúncias de que o riacho vem sofrendo com a falta de cuidados da população, que despeja uma grande quantidade de resíduos nas margens do riacho, causando grande degradação ambiental. Portanto, os técnicos do LAA/SEMA coletaram amostras de água em quatro pontos do riacho e da Estação de Tratamento de Água de Caxias, a fim de obter o diagnóstico da real situação deste afluente. Os resultados das análises constataram que, apesar de haver a presença de resíduos sólidos, o riacho possui boas condições de balneabilidade, de acordo com o art. 2º da Resolução CONAMA 274/2000.
Entretanto, os níveis de acidez e de oxigênio dissolvido estão em dissonância com o especificado na resolução CONAMA 357/2000, o que prejudica a fauna e a flora que necessitam do riacho para sua subsistência. Os resultados das análises na Estação de Tratamento de Água do município de Caxias, por sua vez, atendem às resoluções CONAMA 357/2005 e Portaria MS n° 2914/2011.
O Secretário Marcelo Coelho afirmou que “o Governador Flávio Dino tem um grande compromisso com as áreas ambientais e em como preservá-las. Portanto, vamos recuperar o Riacho do Ponte o quanto antes para trazer de volta um importante ponto turístico e de lazer para a cidade de Caxias”.
Então, logo organizou uma reunião técnicos da SEMA e representantes de movimentos que lutam pela preservação do Riacho, onde foram planejados trabalhos de recuperação do mesmo.

Ascom

Governo do Estado, CEMAR e Prefeitura de Codó irão construir Escola Digna na Fazenda São Francisco

Em parceria com o governo do Estado e a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), a prefeitura de Codó iniciou a construção de uma escola na Localidade Fazenda São Francisco. A ação faz do Programa Escola Digna, que prevê a construção de 05 escolas de alvenaria na zona rural, sendo esta com recursos financeiros da CEMAR no valor de 500 mil reais.
E foi com a finalidade de conhecer o projeto apoiado por eles que representes da CEMAR estiveram na localidade em companhia do prefeito Francisco Nagib e secretários, para uma visitar técnica onde constataram in loco a situação inadequada em que estudam 17 alunos nas modalidades: educação infantil e fundamental. A situação inadequada, se depender do prefeito Nagib deixar de existir em breve.
Estamos aqui fazendo esta visita, onde construiremos esta nova escola, em parceira com o Estado e a CEMAR, num investimento de meio milhão. Estamos fazendo a nossa parte, refizemos a estrada, planamos o terreno e estamos colocando a nossa mão de obra, gerando empregos e renda para os codoenses. E por meio da nucleação iremos beneficiar cerca de duzentos alunos da região”, explicou o prefeito.
A Escola Elizabeth de Carvalho está sendo construída com 02 salas e terá toda estrutura necessária para praticas pedagógicas em um ambiente digno. O gerente de serviços compartilhados da CEMAR, Carlos Afonso, disse que a equipe está certa de que o programa de grande valor social. Receber o prefeito com sua equipe e os representes da CEMAR foi um momento marcante para todos, sobretudo para os pais de alunos que comemoraram, não só um local digno para educação dos filhos, como o emprego que conquistaram.

Ascom

Governador lança Juros Zero com empréstimos de até R$ 20 mil para pequenos empresários

O governador Flávio Dino lançou oficialmente nesta sexta-feira (09) o programa Maranhão Juros Zero, para ajudar principalmente as micro e pequenas empresas do estado. Os empreendedores poderão ter acesso a empréstimos bancários de até R$ 20 mil sem o peso dos juros.
O dinheiro pode ser usado para ampliar os negócios, comprar equipamentos ou formar capital de giro. O interessado vai até uma agência do Banco do Brasil, que verifica se ele atende os critérios para o financiamento.
Caso atenda, o empréstimo é liberado e as parcelas passam a ser cobradas mensalmente. Caso o empresário pague em dia e sem atrasos, o Governo do Maranhão devolve a ele o valor do juro cobrado pelo banco. Ou seja, ao final do empréstimo, o empresário terá recebido de volta toda o juro cobrado.
Microempresários ou proprietários de empresas de pequeno porte, com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões, podem se cadastrar até 30 de novembro.
Flávio afirmou que o programa vai ajudar o empresário a recuperar a capacidade de empreender e, se for o caso, a limpar o nome. “O Banco do Brasil vai dispor até R$ 100 milhões, e nós vamos pagar os juros”, acrescentou, referindo-se à primeira etapa do programa.

Ascom

Pastor Max entra em defesa do parlamento codoense e fala sobre a luta pela geração de renda

Em seu discurso da semana, o vereador Pastor Max falou sobre a importância da câmara municipal, como palco das discussões dos principais assuntos da cidade e falou sobre a luta dos vereadores em encontrarem soluções e idéias para o enfrentamento da crise pela qual passa todo o país.
Esta casa é o lugar mais democrático de nossa cidade. Aqui temos a oposição e a situação, cada qual cumprindo seu papel. Os problemas de nossa cidade e as demandas de nosso povo são aqui resolvidos através do diálogo e a parceria em o Executivo Municipal. A democracia é vivida desta forma e temos que respeitar todas as opiniões”.
Acidade que queremos
O edil explanou sobre a atual conjuntura, pelas dificuldades pela qual passa o país e todos os seus municípios, incluindo Codó. “Tanto a oposição, quanto todos os outros seguimentos precisam entender as diferenças e divergências de idéias. No entanto, para fazermos a cidade que queremos, todos temos que ter espaço, dentro de um nível de respeito e responsabilidade. Todos nós parlamentares estamos lutando pelas pessoas que estão passando por alguma dificuldade. Não me escondo das pessoas e nem do povo. Ando de cabeça erguida. Infelizmente ainda existem pessoas que fazem declarações apenas por especulação e suposição”.
Papel dos vereadores
Pastor Max também lembrou que o desenvolvimento da cidade e as melhorias recentes também passaram pelo legislativo. “Recentemente nosso município passou por uma série de conquistas importantes para o nosso povo. Quase todas essas conquistas tiveram e tem a luta, o suor, a fala o tempo de algum colega vereador. O vereador é o pára-choque das questões sociais. É o pára-choque das questões políticas e das questões estruturais. É papel nosso cobrar, fiscalizar e reivindicar. No entanto, precisamos harmonia para solucionar efetivamente nossos problemas. O legislativo está na linha de frente entre os anseios do povo e o que o poder público pode oferecer a seus munícipes. Estamos lutando e dialogando com representantes de todas as classes, como os agentes de endemias e os auxiliares administrativos. Ma infelizmente muitos não se lembram disso”.
A luta pela chegada do Viva Cidadão para Codó também foi lembrada pelo parlamentar. “Quantos requerimentos? Quantas vezes não escutamos colegas pedindo pela vinda do Viva Cidadão? Quantas vezes fomos em comitiva pedir ao Governo do Estado para que esse beneficio social chegasse a nossa cidade?. Em quantas audiências públicas não colocamos isso em pauta?. Mas na tão demorada inauguração muitos responsáveis apareceram, mas o esforço da Câmara Municipal de Codó não foi nem ressaltado, com a exceção do prefeito, que nos fez a devida referência”.
Em tom de desabafo, pastor Max lamentou o esquecimento e a incompreensão de alguns e parabenizou aos colegas de parlamento por toda a luta e as significativas conquistas alcançadas na atual legislatura.

Ascom

Lobão cometeu crime de corrupção e lavagem de dinheiro em Angra 3, aponta PF

A Polícia Federal atribuiu ao senador Edson Lobão (PMDB) os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro na conclusão do inquérito sobre suposto pagamento de propina a senadores do PMDB, na licitação da montagem eletromecânica da Usina de Angra 3, no Rio de Janeiro, informou a Revista Veja.
Além de Lobão, os crimes também foram apontados aos senadores Renan Calheiros (AL) e Romero Jucá (RR), todos caciques do PMDB.
A obra custou R$ 3,1 bilhões a propina teria sido de R$ 65 milhões, paga pelo Consórcio Angramon formado pelas empresas Andrade Gutierrez, Odebrecht, UTC, Camargo Côrrea, Techint, Ebe e Queiroz Galvão. Segundo a delegada federal Graziela Machado da Costa e Silva, “ficou claro que os senadores foram remunerados pela representatividade dentro do PMDB e deste no Ministério das Minas e Energia”.
As investigações começaram em 2015, quando o empresário Ricardo Pessoa, ligado a UTC Engenharia, afirmou em delação que existia uma rede de  tráfico de influência na contratação do Consórcio. Todo o processo surgiu no âmbito da Operação Lava Jato.

Fonte: Marrapa.com

Primo de Francisco Nagib é mais um insatisfeito com seu governo

A situação do prefeito de Codó, Francisco Nagib, não está nada agradável. As várias medidas antipopulares tomadas pelo jovem gestor fizeram sua popularidade cair de forma drástica e uma grande parcela da população codoense está insatisfeita com seu governo.
Jamil Buzar – Primo de Nagib
Vários são os motivos para este fenômeno, ruas esburacadas, demissões em massa e escolas sem merenda, são apenas algumas das causas que fizeram com que o jovem Francisco Nagib se transformasse no mais odiado prefeito da história política de Codó.
Uma prova da grande impopularidade de Francisco Nagib foi um comentário feito por um primo do prefeito em um grupo de WhatsApp. Jamill Buzar, que é bastante conhecido na cidade de Codó, disse na publicação que constantemente recebe mensagens de pessoas insatisfeitas com o governo de Nagib e afirma que apesar do prefeito ser seu primo ele (Jamil) é a favor do povo.

PERIGO – Caminhão é flagrado transportando madeira ilegalmente na Zona Urbana de Codó

Um caminhão foi flagrado por nossa reportagem, na última terça-feira (06), transportando madeira de forma perigosa, na Avenida João Ribeiro, bairro São Sebastião, Zona Urbana de Codó. Sem apresentar equipamentos de segurança para transportar madeira na carroceria, como lona, o caminhão trafegou livremente pela via, sem qualquer inspeção por parte dos órgãos fiscalizadores.
A única medida de proteção adotada era feita com as próprias madeiras transportadas. Motoristas, ciclistas, motociclistas e pedestres temiam que um acidente pudesse acontecer, caso um pedaço de madeira caísse da carroceria do caminhão. Houve um momento em que o caminhão fez um movimento mais brusco e por pouco não caíram pedaços de madeira sobre o asfalto.
LEGISLAÇÃO
O Conselho Nacional de Trânsito (Contran), diz que a lona ou tela, que deve proteger a carga transportada, é um equipamento obrigatório dos caminhões, conforme o Decreto nº 4.711, de 29 de maio de 2003. Muitos veículos até possuem a lona, mas não utilizam do material. Com base no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a multa para quem descumprir as regras é de R$ 127,69 além de cinco pontos na carteira, sendo considerada infração grave.

Funcionários do SAMU continuam reclamando da falta de pagamento das diárias

Os servidores lotados no Serviço de Atendimento Móvel – SAMU de Codó estão indignados com o tratamento dado a eles pela atual gestão municipal.
Acontece que de acordo com o Estatuto do Servidor Municipal de Codó, “o servidor que se deslocar para fora da cidade, fará jus a diárias proporcional ao período em que estiver a serviço do órgão ao qual está lotado”, acontece que atualmente, o governo dito técnico tem tolhido o direito do servidor de viajar já com as diárias na conta, assim manda a lógica.
Vamos exemplificar aqui: “uma equipe de plantão, recebe a missão de fazer o transporte de um paciente até outra cidade, porém, não podemos esquecer que o paciente deverá ser acompanhado de um médico (de acordo com a gravidade), um enfermeiro, um técnico de enfermagem e um motorista, comumente, estes servidores se deslocam para Coroatá, Presidente Dutra, Caxias, Teresina, Timon e São Luis a estes que se deslocam e durante a viagem precisam se alimentar, beber, etc, acabam tendo que tirar do próprio bolso o recursos para arcar com suas necessidades, a estes faz se necessário o pagamento de diárias.
De acordo com relatos dos servidores, as diárias atrasadas estão na geladeira e a secretária tenta enrolá-los, mandando pessoas que não têm o poder de resolver nada para fazer reuniões com os prejudicados.
Vejo com tristeza, pois certamente, assim como dois e dois são quatro, a Secretária de Saúde em suas viagens a serviço, não abre mão de sair da cidade sem as diárias na conta, ou mesmo para cair na conta no mínimo espaço de tempo possível.

Fonte: Blog do Bezerra

Vídeo: Prefeito se empolga e canta música para Flávio Dino

O prefeito Laércio Arruda ficou tão empolgado de alegria com a conquista de benefícios junto ao governo do Estado para a cidade de Lago da Pedra que compôs uma música em agradecimento ao governador. (veja no vídeo acima)
“Hoje é um dia feliz/Porque estamos aqui/ E o motivo é de sorrir/ Pelo que eu vim receber/ Eu sou de Lago da Pedra/ Estado do Maranhão/ E digo de coração/ Ao nosso governador/ Obrigado meu amigo/ Por me dá esse trator”, cantou o gestor em forma de repente.
Só quem não gostou foi a é ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge.
Com a bandeira da vitimização que vem utilizando desde o tempo que comandava Lago da Pedra e armou uma situação vexaminosa em visita do governador Flávio Dino ao município, Maura Jorge certamente não aprovou o gesto de gratidão do seu aliado no Palácio dos Leões.
A afinidade de Laércio e Dino desmonta de vez o discurso de perseguição que a ex-prefeita tanto prega na cidade.

Fonte: John Cutrim

Serviços da Caravana Governo de Todos chegam a mais seis municípios nesta sexta (9) e sábado (10)

A oitava edição da Caravana Governo de Todos promove ações de saúde, assistência social, culturais e de cidadania em mais seis cidades do interior do Maranhão, neste fim de semana. Serão contempladas com as dezenas de serviços e atividades do programa, a população de Cidelândia, Ribamar Fiquene, Montes Altos, São Pedro de Água Branca, Governador Edison Lobão e Vila Nova dos Martírios. A ação do Governo do Estado tem como foco levar para todo o Maranhão atendimentos e serviços essenciais, promover integração social e apresentar os programas da gestão. A programação será nesta sexta-feira (9) e sábado (10), sempre das 8h às 13h.
Equipes da Força Estadual de Saúde (Fesma), da Secretaria Estadual de Saúde (SES) estarão a postos para consultas, exames, vacinação e outros procedimentos às comunidades. Uma boa oportunidade para atualizar a situação de saúde fazendo diversos procedimentos em um único dia e com profissionais especialistas. Testes rápidos, verificação de pressão, glicemia, saúde bucal, coleta de preventivo e orientação nutricional se somam aos atendimentos de saúde. As ações de saúde estão entre as mais procuradas durante a caravana.
O Viva, do Procon, vai oferecer serviços de emissão de documentos pessoais como RG, fazer inscrição e consulta ao CPF e emitir certidão de antecedentes criminais. Ainda, o Balcão do Cidadão, onde o público pode emitir boletim de ocorrência, realizar consultas (NIT, PIS/Pasep, Bolsa Família), inscrever em concursos e demais serviços online. Beneficiários de programas de transferência de renda como Bolsa Escola, do Governo do Estado, e o Bolsa Família, do Governo Federal, poderão obter informações e tirar dúvidas sobre sua situação de cadastro, nos serviços oferecidos pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes).
A cultura e o lazer serão contempladas na ação com programação cultural, da Secretaria de Estado da Cultura (Sectur); a Praça de Jogos com diversos jogos de mesa, organizados pela Secretaria de Estado de Desportos e Lazer (Sedel); e o projeto CineJuv, que exibe filmes e documentários realizadas pela Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv), que têm como intuito levar reflexão e entretenimento para o público geral, mas com foco em crianças e jovens.
A Caravana Governo de Todos conta com ações das secretarias da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti); Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp); de Indústria, Comércio e Energia do Maranhão (Seinc); Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima); da Mulher (Semu); Fazenda (Sefaz); Transparência e Controle (STC); Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged-MA); e Comissão Central Permanente de Licitação (CCL).
Agenda
Nesta sexta-feira (9), a Caravana Governo de Todos estará em Vila Nova dos Martírios, no CEM Josué Montello; em São Pedro de Água Branca, com ações no Centro Catequético Padre Geraldo; e em Cidelância será no CE Isaura Amorim. E no sábado (10), a caravana promove os atendimentos nas cidades de Governador Edison Lobão, no CE Vicente Pizon; em Montes Altos, no CE Parsondas de Carvalho; e no estacionamento da Prefeitura Municipal de Ribamar Fiquene.

Rodrigo Figueiredo aborda os principais problemas enfrentados atualmente pela população de Codó

Os agricultores do campo agrícola da Vila Fomento denunciaram que estão desde janeiro de 2017 sem os dois vigias que há vários anos eram pagos pela prefeitura de Codó. O problema chegou ao conhecimento do vereador Rodrigo Figueiredo, que usou parte de seu discurso na última sessão da Câmara Municipal, para lamentar e cobrar uma atitude do prefeito Francisco Nagib.
“A situação da Vila Fomento mostra que esse governo é mesquinho, mostra que esse governo não gosta da população de Codó, todos sabem que na Vila Fomento tem um campo agrícola, tem uma piscicultura, que foi criada na gestão do ex-prefeito Biné Figueiredo, e na gestão do ex-prefeito Biné Figueiredo a prefeitura pagava dois vigias para trabalharem e ajudarem aquela comunidade, quando o ex-prefeito Zito Rolim assumiu a prefeitura também ajudava a comunidade com os dois vigilantes. E agora, desde janeiro, por determinação da prefeitura, os vigilantes saíram. Isso é uma vergonha para a prefeitura de Codó que dispõe de muitos recursos. Infelizmente vários roubos estão ocorrendo devido a retirada dos vigias. Aqui fica nossa cobrança para que o prefeito Francisco Nagib acorde, pois o governo de Vossa Excelência está sendo uma vergonha e um desastre”, cobrou Rodrigo Figueiredo.
Mudança do horário de visitas do HGM
O parlamentar codoense também relatou que vem recebendo muitas reclamações dos codoenses que estão insatisfeitos com a mudança de horário de visita do HGM, feita recentemente por determinação da prefeitura de Codó.
“Eu tenho recebido dezenas de reclamações sobre a mudança no horário de visitas no HGM. Não é preciso ser um especialista em saúde para saber que a visita é muito importante para o paciente e familiar, é um momento que eles podem estar próximos, conversando, tranquilizando um ao outro. E esse governo mostrando mais uma que está perdido, mudou o horário das visitas do HGM, colocando em um horário improprio para os codoenses. Fica aqui nosso apelo para que o governo retorne com o horário de visita anterior”, pediu o vereador.
Cobrança de impostos
Outro assunto que incomodou o vereador Rodrigo Figueiredo foi a denúncia que recebeu sobre a cobrança abusiva de taxas e impostos que está sendo feita pela Prefeitura Municipal de Codó, o parlamentar apresentou provas e cobrou uma explicação por parte do prefeito Francisco Nagib.
“Cobrar taxa é com esse governo mesmo, cobrar imposto é com esse governo atual. O governo tem um slogan que não é a realidade atual, a propaganda é “Mais Avanços, Mais Conquistas”, mas eu tenho certeza que esse governo criou esse slogan só para a teoria, porque na prática o verdadeiro slogan é “Mais Taxas, Mais Impostos”. Esse governo está acabando com nosso comercio, com nossa economia (…). Em vez de promover o aquecimento da economia do comercio codoense, a preocupação desse governo é cobrar taxa, impostos e tirar de quem não tem. O governo de Codó está cobrando R$ 331,00 por mês de ISS de um comerciante de nossa cidade, aqui eu tenho o boleto de um ano de pagamento, que dá mais de R$ 3.500,00 em um ano. O governo do prefeito Francisco Nagib está cobrando imposto de 2012 a 2017, não tem quem aguente prefeito, não tem comercio no mundo que suporte um imposto tal alto como o que este governo vem cobrando. O prefeito precisa explicar porque está cobrando um valor tão alto dos comerciantes codoenses”, cobrou Rodrigo Figueiredo.
Indicação Nº 162/17
Preocupado com a manutenção da cultura no município de Codó, o vereador Rodrigo Figueiredo apresentou a indicação de Nº 162/17, solicitando que o prefeito Francisco Nagib determine o pagamento do incentivo financeiro dos grupos culturais no período junino.
“A prefeitura de Codó no início do governo acabou com a secretária de cultura, argumentando que não iria interferir no poder do departamento, que o departamento iria ter estrutura e valor, mas foi tudo mentira e a prova a falta de apoio para os grupos culturais se apresentarem nas festas de São João do município de Codó. Os governos anteriores davam apoio e agora os integrantes desses grupos estão preocupados e tristes porque não contam com o apoio da prefeitura de Codó (…). A prefeitura deveria reunir com os representantes dos grupos e oferecer uma ajuda para todos eles”, pediu o vereador.
Indicação 166/17
Outra indicação apresentada pelo vereador Rodrigo Figueiredo foi a de Nº 166/17, que solicita ao prefeito Francisco Nagib a reforma das pontes e limpeza dos canais de esgoto das ruas Bahia com a Padre Cícero e da Rua Vieira Gomes, ambas no bairro Codó Novo.

Ascom – Vereador Rodrigo Figueiredo

72.546 procedimentos são realizados pela UPA de Codó no mês de maio

O número de pessoas que procuram a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) de Codó, em busca de um atendimento eficiente e de qualidade cresceu no mês de maio se comparado ao que foi registrado no mês de abril.
Em abril a UPA havia registrado 55.669 procedimentos, no mês passado esse número cresceu e a unidade de saúde registrou 72.546 procedimentos, um aumento de 16.877.
A deficiência da rede municipal de saúde, que na maioria das vezes não oferece um atendimento de qualidade e humanizado para os codoenses, pode ser uma das explicações para esse considerável crescimento.

De acordo com o levantamento do setor de estatísticas e processamento da UPA, a maioria dos casos atendidos na unidade, foi na especialidade de Administração de medicamentos (31.528). Em seguida aparecem os atendimentos de enfermeiros (14.719), exames laboratoriais (9.505) e clínica médica e pediátrica (8.012).
Os números registrados no mês de maio mostram que o Governo do Estado do Maranhão continua investimento no fortalecimento da rede estadual de saúde, o setor é constantemente elogiado pelos maranhenses.

Vereadora Maria Paz apresenta indicações solicitando recuperação de ruas do bairro Santo Antônio

Aconteceu na última segunda-feira (05) a 15º sessão ordinária do ano de 2017, vários assuntos importantes foram debatidos e aprovados pelos parlamentares codoenses, entre eles as indicações da vereadora Maria Paz, que esta semana concentrou suas atenções no bairro Santo Antônio, no local diversas ruas estão com sua infraestrutura comprometidas.

INDICAÇÃO Nº 154/17
A rua Goiânia é considerada uma das vias mais importantes do bairro Santo Antônio, por esse motivo a vereadora Maria Paz apresentou a indicação de Nº 154/17, que solicita ao prefeito Francisco Nagib a recuperação da massa asfáltica, construção de meio fio e sarjeta no local.
“Acreditamos que a recuperação da rua Goiânia deve ser feita com urgência, pois é uma via de grande importância para o bairro Santo Antônio. Por isso pedimos que o prefeito Francisco Nagib atenda nosso pedido”, disse a vereadora.
INDICAÇÃO Nº 167/17
Já a indicação Nº 167/17 foi apresentada após a vereadora Maria Paz constatar pessoalmente a situação precária da rua Dr. Silva Maia, bairro Santo Antônio, a edil verificou que a via precisa ter sua pavimentação asfáltica recuperada e necessita que o poder público municipal realize a construção de meio fio e sarjeta no local.
“A rua Dr. Silva Maia é uma via de grande importância para os habitantes do bairro Santo Antônio, sua infraestrutura está comprometida e sua recuperação deve ser feita de forma imediata”, argumentou Maria Paz.
A indicação foi devidamente aprovada após a apreciação, discursão e votação de todos os parlamentares presentes.

Ascom – Vereadora Maria Paz

Vereador Chaguinha da Câmara tem duas importantes indicações aprovadas na última sessão

O vereador Chaguinha da Câmara é o parlamentar codoense com mais indicações aprovadas no poder legislativo e atendidas pelo poder executivo municipal. Na sessão da última segunda-feira (05), o edil apresentou mais duas importantes indicações que foram aprovadas após a apreciação, discursão e votação de todos os parlamentares presentes.
INDICAÇÃO Nº 157/17
Mostrando-se preocupado com o transito da cidade de Codó, o vereador Chaguinha da Câmara apresentou a indicação Nº 157/17, que solicita ao prefeito Francisco Nagib que determine ao seu secretário a sinalização vertical e horizontal com a colocação de faixa de pedestre e quebra-molas próxima a Escola Adventista, na esquina da Avenida Maranhão com a rua 7 de Setembro, no bairro Santo Antônio.
INDICAÇÃO Nº 164/17
Outra indicação apresentada pelo vereador Chaguinha da Câmara foi a de Nº 164/17, que pede que o prefeito Francisco Nagib determine o recapeamento da massa asfáltica da Avenida 1º de Maio, no trecho que passa pelo bairro São Francisco.
“Estamos mais uma vez apresentando duas importantes indicações na sessão desta segunda-feira, pois temos uma grande confiança de que o prefeito Francisco Nagib mais uma vez atenderá nossos pedidos”, argumentou Chaguinha da Câmara.

Ascom – Chaguinha da Câmara

SEMA realiza ações de conscientização durante Semana do Meio Ambiente

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) realiza uma vasta programação, em comemoração ao Dia do Meio Ambiente (05 de junho), com foco na conscientização ambiental.
A primeira ação aconteceu na APA do Itapiracó, dia 02/06, com o tema “Atitude consciente com as crianças: preservar na infância é a garantia de um futuro melhor”. A criançada das escolas do entorno se divertiu com oficinas de materiais recicláveis, palestra sobre educação ambiental, trilha ecológica e esportes radicais.
Na Lagoa da Jansen, dia 03/06, teve tudo isso, além de distribuição de mudas, recreação e show infantil.  E na segunda-feira, dia 05/06, a ação foi nos semáforos de algumas rotatórias de São Luís, com uma campanha de conscientização para atitude consciente no trânsito.
Ainda houve distribuição de mudas e plantio em vários municípios, como São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar. E a distribuição de mudas continua, nessa semana, em outras cidades do Estado.
Ascom
error: O conteúdo está protegido !!