Vereador de Codó é perseguido e sofre tentativa de homicídio

O vereador de Codó Dr. Nelson (PSB) foi perseguido e sofreu uma tentativa de homicídio no início da tarde desta sexta-feira (09) na região da Trizidela, em Codó (MA). Assista ao vídeo no final da matéria

Um vídeo enviado para o Blog do Marco Silva mostra um homem correndo atrás do vereador na esquina da Rua Marcos Rocha com a Avenida Cristóvão Colombo. O parlamentar tenta fugir, mas resolve reagir e segura a arma que estava na posse do agressor.

A sequência das imagens mostra os dois caindo na calçada de uma praça. Segundo testemunhas, o agressor tentou matá-lo com um golpe de machado. Outro homem que também vinha correndo logo atrás consegue capturar o suspeito e outras pessoas aparecem para ajudar.

Um policial militar, que pediu para não ser identificado, confirmou que Dr. Nelson sofreu a tentativa de homicídio. As informações dão conta de que o vereador esteve em um ponto comercial de sua propriedade quando foi surpreendido pelo agressor que estaria ocupando o local ilegalmente.

“O acusado desse caso aí é aquele cidadão que tava desaparecido lá em São Paulo, que mora na Trizidela, chamado Adail José. Esse Adail José, segundo informações, teve uma crise e estava ocupando o prédio do Dr. Nelson… e o Dr. Nelson até então não sabia que seu prédio estava sendo ocupado por alguém e foi até o ponto. Quando chegou lá no ponto comercial o cara apareceu de repente entrando no ponto comercial e o Dr. Nelson em função das agressões foi saindo do prédio e correu. Nisso aí tinha um machado que o acusado tava utilizando e nesse momento o Dr. Nelson correu e o cara correu atrás dele. Aí o Dr. Nelson tropeçou, caiu e o cara deu um golpe de machado, mas não acertou em cheio. Mas foi por pouco viu”, detalhou o policial ouvido pelo blog.

A Polícia Militar esteve no local, mas o agressor conseguiu fugir e ainda não foi localizado pelas equipes de plantão.

Identidade do agressor

O agressor foi identificado como Adail José da Silva Lima. Ele sofre de problemas psicológicos e ficou conhecido na cidade após permanecer desaparecido em 2020 por 45 dias, em Diadema, município da Região Metropolitana de São Paulo.

Adail José trabalhou por cerca de 20 anos na Fábrica de Cimento Nassau e recentemente decidiu morar com a família em Diadema.

Procurado por nossa equipe de reportagem, Dr. Nelson não quis se manifestar oficialmente sobre o ocorrido.

Coletivo Núcleo convida população para evento virtual em celebração ao aniversário de 5 anos

Ao longo dos últimos anos um nome tem se tornado bastante conhecido entre a juventude da cidade de Codó, em especial entre a juventude negra e os jovens de religião de matriz africana, esse nome é Coletivo Núcleo. Entidade e movimento cultural com reconhecimento de seu trabalho em Codó e região, o grupo surgiu em 2016 com a proposta de realizar encontros com música, dança, rodas de conversas, exibição e debate de filmes e claro, muita cultura afro-brasileira. Na reunião de apresentação, realizada em 23 de abril de 2016, passaram pelo Centro de Cultura mais de 120 pessoas dos mais variados bairros e movimentos sociais/culturais.  Passados cinco anos daquele dia histórico, o grupo se prepara para celebrar mais um aniversário.

Ouvimos dois de seus fundadores, o MC Mano Robson e a professora Dácia Abreu, ambos conhecidos e reconhecidos em Codó e outros estados por desenvolverem iniciativas de combate ao racismo e pela valorização da cultura negra e que recentemente foram contemplados com o Prêmio Zeli Gomes para “Mestres de Cultura Afrobrasileira” e ainda pela Lei Aldir Blanc de auxílio emergencial da cultura.

Perguntamos ao Mano Robson:

Qual a principal motivação que fez nascer o Coletivo?

“O Coletivo Núcleo, é uma organização que veio para promover cultura e educação, dentro das comunidades carentes da cidade de Codó, uma vez que sabemos que a cultura é um atrativo importante para o jovem em situação de risco, cercado por todos os malefícios, que o habitat natural chamado de periferia lhes proporcionam. Sabemos que um povo sem cultura, não se levanta, se ajoelha.”

E segue destacando:

“Nessa perspectiva de libertação surgimos, afinal de contas individualmente, há anos lutamos por igualdade de direitos dentro de nossa cidade, onde crescemos e vivemos até os dias atuais. Nós, Dácia e eu, somos primos e temos a cultura Hip Hop como um gosto comum: nós entendemos esses assuntos de um jeito parecido. Mesmo com todas as dificuldades, Dácia, principal mentora desse gradioso projeto, nunca desistiu, têm se empenhado muito, mesmo sendo professora da rede municipal, nunca deixou de ser militante.  Eu não vivi esses 5 anos ativamente dentro do Coletivo Núcleo, mais a vontade que eu tenho de estar dentro dele, é bem maior que no início. Então, Coletivo Núcleo, meus parabéns pelos seus 5 anos, Tamu Junto!

Antes da pandemia, para realizar o calendário de atividades do grupo – ensaios, treinos de capoeira, grupos de estudos, vivências, Ocupação Cultural na Praça Palmério Cantanhede e o encontro educativo-cultural itinerante Traficando Informação – era comum ver a professora Dácia Abreu pela cidade sempre acompanhada dos jovens que integram o grupo. Outras duas iniciativas da entidade são a Biblioteca Comunitária Ribinha Muniz” com o seu Projeto de Leitura “Clube do Livro” e também a Companhia de Artes TeAfro que é a incubadora do projeto de audiovisual “DANO NODA”.  Ela nos conta o que a motiva integrar e fazer acontecer o Coletivo Núcleo.

– Sou historiadora com especialização em História do Maranhão além de professora e sempre vi, antes como aluna e hoje profissional da educação, a persistência de, o saber escolar, tratar africanos e afrodescendentes e seus saberes ancestrais de maneira a justificar o racismo usando de práticas racistas – o que parece aceitável ou normal. Com o Núcleo vamos na contramão: “Na sua terra e, para nós, o negro é gente, forte, bonito, puro, guerreiro e rei, além de juntos a gente estar sempre buscando aprender sobre como aconteceu a colaboração ativa e essencial de africanos e afrodescendentes para a formação da Humanidade e da nossa sociedade nacional como obriga a Lei 10.639/2003 que acabou de completar 18 anos.”

Se você acha que um movimento cultural de combate ao racismo, feito pela juventude, sem ligações com grupos políticos, que valoriza a cultura negra local, correndo pelo certo alcança a metade de uma década sem passar por dificuldades? Você está enganado, pois é necessário firmar parcerias, solicitar apoio, dialogar com as comunidades impactadas, isso tudo exige tempo e recursos e mesmo apesar de sempre enfrentar desafios todos nós nos orgulhamos de fazer parte da história recente da cidade.

Para marcar essa data importante será realizado o TRAFICANDO INFORMAÇÃO/LIVE SHOW   “Coletivo Núcleo –  5 anos”, dia 24 de abril as 19h nas redes sociais do grupo @coletivonucleocodo. Sobre a programação Dácia explica:

“Faremos blocos culturais organizados pelas manifestações artístico-culturais da juventude local:  ESPIRITUALIDADE AFRO/ DANÇA E CORPOREIDADE/MUSICALIDADE. Tudo isso num movimento de resgatar  aquilo que o racismo rouba de quem é discriminado que é a valorização da sua condição de ser uma vida, de ser um existência que não tem preço. Para isso a gente convida os fazedores de cultura entre os jovens para exercitarem seus dons e saberes em um momento de celebração.

E finaliza dizendo:

Nesses cinco anos, circulamos por quase toda a cidade, fizemos, juntos, coisas maravilhosas e construímos uma rede, pequena, mas uma rede que consegue ser sentida pela sociedade – uma verdadeira reação em cadeia. Ousamos sonhar que Codó deve ser uma mãe melhor com seus filhos afrocodoenses. A gente viu tanta gente potente passar por aqui, tantos diamantes preciosos e agradece a todos por terem estado conosco. Hoje a gente convida para mais uma vez festejar o orgulho e a beleza de ser quem nós somos: “Vem celebrar com a gente pessoal!” Nas redes sociais, no @coletivonucleocodo, dia 24 de abril as 19h.

TEXTO ENVIADO PELA ORGANIAÇÃO DO EVENTO

Duas motos roubadas são recuperadas pela Polícia Militar em Codó

Na manhã do dia 07 de abril, o serviço de Inteligência do 17º Batalhão de Polícia Militar localizou no bairro Babilônia, em Codó, uma motocicleta Honda Bros vermelha, de placa NNI 7259.

A motocicleta estava de posse de um homem, que também foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Codó para prestar esclarecimentos.

Segunda moto

No início da tarde da última quarta-feira (07), a Central de Atendimentos do 17º Batalhão de Polícia Militar recebeu informações sobre uma motocicleta, supostamente abandonada, na Rua Carlos Palhano, bairro Codó Novo.

A GU da Força Tática deslocou até o local e encontrou uma motocicleta com as características semelhantes às repassadas na denúncia. Ao fazer o levantamento da placa, foi constatado que a a motocicleta POP 110, cor vermelha e placa PTU 3I77, possuía registro de roubo/fortou, o veículo Gabi sido roubado no dia 30 de março de 2021.

A motocicleta foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Codó.

TEXTO ENVIADO PELA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO 17º BPM

Prefeitura de Peritoró completa cem dias de gestão com muito trabalho e inaugurações

A Prefeitura de Peritoró completará cem dias de trabalho no próximo sábado, dia 10 de abril. Para celebrar os feitos realizados em pouco mais de três meses, o Governo O Progresso Chegou prestou contas com a população de forma criativa.

A Assessoria de Comunicação do Governo Municipal elaborou uma bela campanha, com quatro VTs institucionais: dois mostrando a recuperação da estrutura da saúde e do combate a Covid e outro mostrando os avanços da cidade em todas as áreas, como Infraestrutura, Educação, Agricultura Familiar e Serviços Públicos, além de um videoclipe, que ressalta o renascimento do município e o amor do povo de Peritoró por sua cidade.

Assista abaixo as peças da campanha e confira a programação de atividades alusivas aos cem dias da gestão O Progresso Chegou.

Homem é preso com arma de fogo no Km-17, em Codó

Um homem foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Codó na última quinta-feira (08) por estar portando uma arma de fogo de forma ilegal no Km-17, zona rural de Codó. 

O armamento foi localizado durante uma abordagem, e na busca pessoal os policiais militares encontraram a arma de fogo de fabricação caseira.

O indivíduo confessou ser o proprietário, assim foi conduzido à 4º DRPC, de Codó, para prestar esclarecimentos.

TEXTO ENVIADO PELA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO 17º BPM

Distrito de Independência recebe audiência pública para elaboração da LDO e LOA

A Prefeitura de Peritoró iniciou na última quarta-feira (07), a segunda Audiência Pública para tratar do orçamento participativo de 2021, com a elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias LDO e LOA. A audiência foi realizada no distrito de Independência, respeitando todos os protocolos de segurança contra Covid-19. Na oportunidade estavam presentes secretários municipais, vereadores e representantes da sociedade civil organizada.

“Temos certeza que o que o prefeito está fazendo no município, que é ouvir e ter a participação popular nos assuntos importante para nossa cidade, todos só tem a ganhar”, comentou Dayane Matos, do Serviço de Convivência

“É um trabalho muito importante, determinado pelo nosso prefeito Dr. Júnior e que conta com a participação do nosso povo, ouvindo suas necessidades. Isso é importante para o desenvolvimento do trabalho do prefeito em todas as áreas”, destacou o secretário de saúde, Valderson Rodrigues.

Autoridades municipais e representantes da comunidade debateram sobre as demandas da comunidade, suas soluções e a políticas públicas a serem executadas para a população. O procurador geral do município, Dr. André, ressaltou a importância das audiências para a sociedade. “É um instrumento de democracia e participação popular, onde são discutidas as políticas públicas, o que reza a Constituição Federal, a Lei Orgânica do Município, a Lei de Responsabilidade Fiscal e onde escutamos as demandas e nos organizamos para executá-las”, concluiu.

Asscom – PMP

Tá esperando o que para participar dessa promoção nunca vista em Codó?

Vá na foto oficial no IG @hmphonescodo e siga todas as regrinhas!

Garanta sua oportunidade de ganhar um iPhone 8 e presentear um amigo, marcando totalmente de graça 📲

🚨Obs. O segundo celular só será sorteado se o Instagram da @hmphonescodo atingir 10 mil seguidores🚨

📱HM PHONES 🎮 – Acessórios, Assistência Técnica, Produtos Nacionais e Importados

UEMA e Universidade de Coimbra realizam seminário online

A segunda edição do seminário Pontes Entre o Presencial e o Digital, uma organização conjunta entre a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), por meio do Núcleo de Tecnologias para Educação (UEMAnet), e a Universidade de Coimbra está chegando. O seminário acontece nos dias 16, 23 e 30 de abril, no formato 100% digital. As inscrições para participação no evento foram prorrogadas até 15/04 e podem ser feitas pela plataforma eventos.uemanet.uema.br.

A iniciativa reúne professores e pesquisadores do Brasil e de Portugal em sessões temáticas que discutem a educação mediada por tecnologias nos modelos presencial, digital e híbrido, sob as perspectivas do presente e do futuro. O evento contará com sessões temáticas sobre “Jogos Digitais e Ambientes Imersivos”, com os professores Romero Tori (USP) e Ana Amélia Carvalho (Universidade de Coimbra); “eLearning e bLearning”, com os professores Luciano Sather (Metodista) e Neuza Pedro (Universidade de Lisboa); e “Competências Digitais Docentes”, com os professores Lúcia Dellagnelo (CIEB) e José Luís Ramos (Universidade de Évora).

Para a professora Ilka Serra, coordenadora geral do UEMAnet e uma das organizadoras do seminário, o evento é uma oportunidade de discutir o momento atual e a perspectiva para o futuro. “O evento reforça o papel da universidade no sentido de pensar e analisar os recursos para o enfrentamento dos impactos da pandemia, através da troca de ideias e experiências no âmbito nacional e internacional”, comentou a professora.

A professora Sara Trindade, da Universidade de Coimbra e também responsável pela organização do evento, completou. “Este momento contribui para demonstrar, no campo da educação, que o digital pode contribuir bastante para o desenvolvimento de uma educação completa. O seminário busca apresentar uma discussão e formação para todos na perspectiva de uma educação qualificada para o digital”, finalizou a professora.

A loja Mylka Lingerie e Variedades está repleta de muitas novidades

Na Mylka Lingerie e Variedades você encontra muitas novidades e as últimas tendências em moda feminina, masculina e várias novidades. Garanta sua peça favorita com os melhores descontos da cidade.

Não perca tempo, faça uma visita, confira todas as novidades e aproveite os descontos especiais em todos os produtos da loja. A Mylka Lingerie e Variedades fica localizado na Avenida Dr. José Anselmo, Nº 1542, no bairro São Benedito.

Tenente da PM usa veículo oficial para passear com namorada em Santo Amaro do Maranhão

Um policial militar foi flagrado supostamente usando um quadriciclo oficial da Polícia Militar do Maranhão, de forma indevida. Em um vídeo divulgado nesta quinta-feira (08), o servidor aparece transportando uma mulher que seria sua namorada. O flagrante teria sido feito em uma estrada que dá acesso as dunas que ficam localizadas no município de Santo Amaro do Maranhão.

As imagens mostram o tenente Jorge, que trabalha no Batalhão de Turismo de Barreirinhas, pilotando o veículo sem fardamento em direção as dunas do município de Santo Amaro, acompanhado de sua suposta namorada.

O Tenente Jorge teria sido colocado para trabalhar em Santo Amaro pelo seu tio, o Coronel Honorio, ex-comandante do Batalhão de Turismo e atual comandante do Grande Comando de Policiamento do Interior (CPI).

Vereador Júlio do Moises presenteia coroataenses com equipamentos do Programa Mais Renda

No dia em que o município de Coroatá completou 101 anos de emancipação política, o vereador Júlio do Moises presenteou a população com vários equipamentos do Programa Mais Renda, do Governo do Maranhão.

Os kits contemplam as categorias de beleza (cabeleireiro e manicure) e alimentação (produção e comercialização de hot dog, milho verde, churros, churrasco, crepes, pipoca e salgados).

“Esses são os equipamentos do Programa Mais Renda, que vão beneficiar 36 famílias na primeira etapa. Outras 14 pessoas serão cadastradas para também serem beneficiadas, totalizando 50 famílias que serão beneficiadas no Programa Mais Renda de Coroatá”, explicou o vereador Júlio do Moises.

O parlamentar acredita que o Programa Mais Renda é a chance que muitos terão de mudar de vida e será essencial para que os beneficiados sejam agora empreendedoras, com uma excelente oportunidade profissional.

A entrega dos equipamentos foi viabilizada graças ao apoio do Secretário de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Rodrigo Lago, do Secretário de Desenvolvimento Social (Sedes), Márcio Honaiser, e do prefeito Luís da Amovelar Filho.