Município de Codó encerra 2019 com saldo positivo na geração de emprego e renda

Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta sexta-feira (24) pelo Ministério do Trabalho, mostram que o Maranhão teve em 2019 o terceiro ano seguido de criação de novos empregos com carteira assinada. Em 2019, foram geradas 10.707 vagas formais (com carteira assinada). Desde 2017, a curva vem subindo. Naquele ano, tinham sido 1.221 postos. Em 2018, subiu para 9.649. E agora, quase 11 mil.

A criação de novos empregos vem segundo o crescimento econômico do Maranhão. O PIB do Estado teve em 2017 crescimento quatro vezes maior que a média nacional, de acordo com estudo do IBGE. Entre os setores que mais puxaram para cima o emprego em neste triênio 2017-2019 estão Serviços, Construção Civil e Comércio.

Mais emprego e renda em Codó

O município de Codó vem contribuindo para o crescimento econômico e a geração de emprego e renda no Maranhão. Desde 2017, para enfrentar a crise econômica brasileira e colocar Codó no rumo do crescimento, o prefeito Francisco Nagib realizou investimentos em todas as áreas, como importantes obras na infraestrutura, na saúde e educação, investimentos na agricultura familiar, além de criar políticas públicas de transferência de renda e que ajudaram a fomentar o empreendedorismo, como o Codoense Empreendedor, levando mais trabalho e oportunidades aos codoenses.

“No início de minha gestão tínhamos uma série de desafios a enfrentar. Um dos principais era fazer Codó enfrentar a crise brasileira e conseguir fazer o município crescer economicamente. Em três anos realizamos grandes investimentos e obras na nossa infraestrutura, recuperando a malha de estradas vicinais, pavimentando ruas e avenidas, pontes de concreto, novas praças, quadras e áreas de lazer, na construção de escolas, postos de saúde, obras de ampliação e reforma em prédios públicos. Também aumentamos o crédito para os produtores da agricultura familiar, ajudou na abertura dos campos e distribuição de sementes”, disse Francisco Nagib.

O prefeito ainda atribuiu o bom resultado na economia a uma política de austeridade fiscal, o pagamento do funcionalismo em dia e a correta aplicação dos recursos públicos. “Fico muito feliz por estarmos colhendo o resultado de três anos de trabalho e constatando em números que Codó cresce economicamente e está chamando a atenção de grandes indústrias, empresas, grandes redes varejistas, supermercados e instituições de ensino superior, que fará com que Codó entre num período de muita geração de emprego e renda e prosperidade”.

Assessoria de comunicação da Prefeitura de Codó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!