Maranhão pode perder R$ 172 milhões por boicote de Bolsonaro ao Nordeste

Os estados do Nordeste deverão sofrer uma redução no valor que esperavam receber com a nova divisão dos recursos do pré-sal da chamada cessão onerosa. A redistribuição foi costurada em acordo nesta terça (8).

No Maranhão o impacto será de R$ 172 milhões. No primeiro acordo, o estado deveria receber R$ 704 milhões. Com a mudança feita para beneficiar estados do Sul e Sudeste e penalizar os do Nordeste, o montante cairá para R$ 531 milhões.

Essa é só mais uma prova da perseguição do governo Bolsonaro à Região Nordeste.

Com informações do Marrapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *