Globo e Moro não vão impedir Lula de cumprir destino de ser novamente presidente do Brasil

A Rede Globo, Sérgio Moro e a Lava Jato destruíram o país na tentativa de acabar com o Presidente Lula. Não conseguiram.

O conluio midiático-jurídico assassinou D. Marisa Letícia. Acreditavam, finalmente, que conseguiriam parar Lula. Mas ele seguiu em frente.

Agora, prendem Lula, e fracassam mais uma vez em seus objetivos.

Como vimos hoje – nos braços do povo – Lula está em plena forma e mais firme do que nunca.

E há milhões de brasileiros e brasileiras espalhados neste país, indignados com o autoritarismo, com o uso político do Poder Judiciário e com todas as violações que foram cometidas contra Lula, que estão com mais disposição de lutar e defender as ideias do nosso Presidente.

A fome não foi capaz de intimidar Lula.

A ditadura não conseguiu deter Lula.

A Globo, Moro e a Lava Jato também não conseguirão macular a história de Lula até aqui, e impedi-lo de cumprir seu destino.

O destino de Lula é ser Presidente do nosso país; é continuar transformando a vida da nossa população; levar esperanças e transformar em realidade os sonhos de milhões de brasileiros e brasileiras.

O Brasil precisa de Lula.

E Lula precisa do melhor de cada um e cada uma de nós.

Seguimos de cabeça erguida.

À luta, companheiros e companheiras!

Artigo do Dep. Paulo Pimenta
Líder do PT na Câmara dos Deputados

7 de abril de 2018.

3 Comentários

  1. É por isso que o país não vai pra frente, quando um juiz corajoso tenta fazer justiça, vem uns e dizem que autoritarismo dele. Tem é que prender essa corja de ladrões e corruptos mesmo. A justiça não é somente pra quem rouba uma galinha e mata um pessoa não, deve ser também pra quem rouba dinheiro público, desvia e deixa de aplicar na população, fazendo isso está matando pessoas nas filas de hospitais sem estruturas e sem médicos e remédios. Só pq foi um bom presidente não dá a ele o direito de roubar o povo.

  2. Mostrem o roubo Coxinhas babacas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *