Flávio Dino autoriza o funcionamento de lojas de materiais de construção, óticas, salões de beleza e oficinas mecânicas

O governador Flávio Dino assinou outro decreto com novas medidas para combater o coronavírus no Maranhão. Entre elas, está a continuação da suspensão até 12 de abril de atividades e serviços não essenciais, tais como academias, shopping center, cinemas, teatros, bares, restaurantes, lanchonetes, centros comerciais, lojas e similares. As aulas de escolas públicas e privadas seguem suspensas até o dia 26 de abril (confira o decreto no final da matéria). 

O novo decreto autoriza o funcionamento de lojas de materiais de construção, óticas, borracharias, oficinas mecânicas, salões de beleza e serviços de manicure e pedicure.

Também seguem funcionando a distribuição e o comércio de alimentos pelos supermercados e similares. O mesmo para serviços de abastecimento de água, luz, gás e combustíveis.

A coleta de lixo, os serviços funerários, os serviços de telecomunicações, a segurança privada e a imprensa também continuam em funcionamento.

Delivery

Os restaurantes, lanchonetes e similares poderão fazer entregas (delivery) ou manter a retirada no estabelecimento por meio dos sistema drive-thru.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *