Evimar Barbosa fala sobre medidas preventivas na reabertura do comércio não essencial em Codó

Em mensagem bastante esclarecedora, o engenheiro especialista em Engenharia de Saneamento Básico e Ambiental e ex-diretor do SAAE Codó, Evimar Barbosa, falou sobre a reabertura do comércio não essencial em Codó e as medidas de segurança e higiene pessoal que os cidadãos podem tomar para a prevenção ao Novo Coronavírus.

“Olá amigos e amigas, estamos a cerca de três meses vivendo um período de pandemia, com um vírus que só agora está sendo melhor estudado e que mudou a vida em todo planeta. No entanto, estamos vencendo, a cada dia, a cada mês, a batalha contra o coronavírus e iremos superar este mal.

No Brasil e no mundo, muitos estudos estão evoluindo. Vacinas e medicamentos estão sendo desenvolvidos e testados em muitos países, e alguns já estão próximos de chegarem até o alcance da população. Em nosso município, o governo municipal decretou mais um período de quarentena, que irá chegar ao fim no próximo dia 25. Com essa medida estamos conseguindo manter o máximo de isolamento social e conter a curva de contágio em Codó. E para os casos confirmados já temos a disposição o Hospital de Campanha e mais dez leitos de UTI sendo montados.

Mas mesmo com a reabertura do comércio é importante nos manter alertas e precavidos em relação a Covid-19. Vamos continuar respeitando as normas do isolamento social, colocando em prática as recomendações das autoridades em saúde, evitando aglomeração e saindo apenas para o essencial.

O vírus é muitas vezes fatal e complexo, mas a forma de prevenção pode ser simples. E para nos proteger e proteger nossas famílias nós contamos com um elemento básico, mas muito importante e presente em nosso dia à dia: a água, fonte da vida e da boa saúde. Vamos utilizá-la com racionalidade e como um importante instrumento no combate ao coronavírus.

Com medidas bem simples de higiene pessoal podemos fazer a diferença, como lavar bem as mãos com água e sabão. Além de cuidar bem da higiene pessoal, desinfete sempre as superfícies em casa, evite colocar as mãos no rosto se não tiverem bem limpas ou desinfetadas. E como reforço passar sempre álcool em gel e usar máscara ao sair.

Vamos vencer essa guerra e vamos nos manter saudáveis enquanto a cura não chega”

Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *