Câmara de Codó funcionará regularmente durante período de campanha eleitoral

O pastor da Assembléia de Deus, Benivaldo Gama, foi o convidado especial para a abertura da 22ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Codó. “Agradecemos a Deus, ao presidente e parlamentares desta Casa pela oportunidade e trazer a palavra de Deus. Eu acredito que o lado religioso e espiritual é muito importante para o homem público e sua gestão. É fundamental Deus estar presente na vida de todos aqueles que nos representam”, declarou o pastor.

O vereador Domingos Reis falou sobre as obras em uma estrada na região da Sentada e sobre o papel fiscalizador do Legislativo. “Houve denuncia feita pela presidência da Casa e agora iremos encaminhar ao MP para que seja averiguado o que está acontecendo e onde esperamos que a empresa que ganhou a licitação para fazer o serviço tenha alguma explicação. Afinal de contas uma das funções do Legislativo é fiscalizar”, explicou o vereador Domingos Reis.

Importantes Indicações foram apresentadas e aprovadas em plenário, como as da vereadora Maria Paz, do vereador Milson da Gabriela e vereador Valdeck Frota, que solicitou ao Executivo a abertura e recuperação de vias públicas. “A colocação de massa asfáltica e a recuperação de ruas são muito importantes, pois além de melhorar o acesso de condutores e pedestres também valoriza o bairro e os imóveis. Em relação ao acesso ao cemitério do Sabiazal, nós precisamos abrir esta via na Santos Dumont, pois isso levará mais segurança para todos quando precisarem ir ao local”, justificou o vereador, Valdeck Frota.

O presidente da Câmara, vereador Leonel Filho, falou sobre a atual conjuntura política e o funcionamento regular do legislativo durante o período de campanha eleitoral. “Graças a Deus, a Câmara de Codó continua cumprindo com muita competência todas as suas funções, cumprindo seu papel, atendendo todas as entidades, associações e comunidades que nos procuram estão bem assistidas. Com muito carinho e muito respeito estamos fazendo tudo que é nossa função para o bem do povo de Codó. Durante o período de campanha a Casa funcionará de forma regular e suas sessões serão realizadas normalmente”, concluiu.

Ascom – CMC

2 Comentários

  1. E porque tinha que ser diferente, a campanha deles era pra ter sido há três anos, não fizeram nada vão ficar em casa pra quê, pra tá atentando nas casas alheias, mentindo, atrapalhado os outros, vão procurar o que fazer.

  2. Segundo fontes, a CM de Codó contratou uma empresa para transmitir as sessões na tv e rádio, sendo o valor total de quase R$ 100 mil reais por apenas 09 meses de contrato.

    DETALHE: a emissora de rádio que transmite as sessões pertence a família de um parlamentar, e não houve transmissões na tv desde o início do contrato.

    O POVO CODOENSE acordo!

Deixe uma resposta para O Edil do Povo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!