Vereador codoense adora mexer no WhatsApp durante as sessões da Câmara Municipal

O comportamento do vereador Leonel Filho (PTN), demonstra sua falta de compromisso e atenção para com as matérias discutidas durante as sessões da Câmara Municipal de Codó. Como se não bastasse o comportamento reprovável do parlamentar que insiste em interromper a fala dos colegas utilizando sempre de argumentos recheados de inverdades, ainda passa quase todo o tempo batendo papo através do WhatsApp.

Na sessão ordinária desta segunda-feira (08), Leonel Filho foi mais uma vez flagrado acessando a internet no celular, possivelmente o “WhatsApp”. A atitude desrespeitosa e vergonhosa do edil acontecia sempre que um assunto importante era discutido por seus colegas parlamentares.

É importante lembrar que o vereador Leonel Filho foi eleito na última eleição depois de receber 1.221 votos de codoenses que acreditaram em suas promessas.

Praça em frente a prefeitura foi completamente abandonada pelo Poder Público Municipal

A situação da Praça Ferreira Bayma é deprimente, durante a noite a falta de iluminação dá ao local um ar sinistro. O que antes era um local frequentado por jovens e famílias hoje o abandono nos dá a noção de abandono e da falta de sensibilidade do gestor da cidade que trabalha bem em frente.
Dentre as mais de dez torres luminosas, apenas uma possui ainda uma lâmpada acesa e só. As plantas maiores, servem de esconderijos para infratores, que na noite do sábado uma jovem de 16 anos foi assaltada após ter sido surpreendida por um homem que saiu do pequeno coreto enquanto que outro estava por trás das tabocas, os dois armados com uma faca tomaram o celular da vítima.
Prefeito é hora de deixar de blá blá blá e melhorar a situação da praça que fica a um palmo de seu nariz! Isso não é favor à população, é obrigação sua!

Fonte: Blog do Bezerra

Nagib e Agnes entregam “chave da cidade” para primeira criança nascida na 7º Semana do Bebê

No primeiro dia das atividades da VII Semana do Bebê na cidade de Codó, o prefeito Francisco Nagib e a primeira dama Agnes Oliveira, entregaram a simbólica “chave da cidade”, para o “bebê prefeito”, que foi escolhida por ser a primeira criança nascida após o início da Semana do Bebê, e como manda a tradição da Unicef, parceira do projeto, deve ser empossada como “bebê prefeita”.

A programação da VII Semana do Bebê na cidade de Codó, que tem como tema: “O que você faz pelo seu filho hoje, vale para a vida toda”, continua nesta terça-feira. Confira:
PROGRAMAÇÃO DESTA TERÇA-FEIRA
Seminário Primeira Infância
Dia 09 de maio (terça-feira)
Local: Auditório da Associação Comercial de Codó
Horário: 08 às 12 da manhã
Junte-se a esta causa – PRIMEIRA INFÂNCIA, a hora de cuidar é agora. !!!

Marcelo Coelho representa o estado do Maranhão em assinatura de parceria com o GCF

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) e da vice-governadoria, assinou memorando de entendimento que celebra parceria entre os governos, que fazem parte o Fórum de Governadores da Amazônia Legal, e a Força Tarefa dos Governadores para Clima e Florestas (GCF) e Corporação de Fomento Andino (CAF), durante o 14º Fórum de Governadores da Amazônia Legal, que aconteceu em Rondônia, dias 04 e 05 de maio.
Tal compromisso do Governo de Flávio Dino com o desenvolvimento sustentável foi reafirmado em evento internacional, no México, durante Reunião Anual do GCF, que aconteceu em agosto de 2016.
O Secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA), Marcelo Coelho, participou do evento representando o Governo do Maranhão, sendo inclusive quem fez essa articulação, durante um ano, para a entrada do MA no GCF. Até 2015 o Maranhão estava fora do grupo, mas, desde 2016, tem assento oficial.
A entrada do Maranhão no GCF como Observador em 2015 deu-se pelo esforço Secretário Marcelo Coelho, em conjunto com o do vice-governador Carlos Brandão, que após tomarem conhecimento desse importante grupo em Reunião dos Governadores da Amazônia Legal, imediatamente solicitaram o ingresso do Estado. Depois de cumprir a exigência de participar da Reunião Anual em 2015 (Barcelona, Espanha) e ser Observador por um ano, o Estado finalmente recebeu a votação exigida, tornando-se novo membro, em cerimônia realizada neste encontro do México.
Ao ingressar no GCF, o Maranhão pactua metas com os demais Estados/províncias detentores de florestas tropicais ao redor do mundo, alinhando-se á tão discutida visão contemporânea de sustentabilidade. “Estamos trabalhando firmes para cumprir as metas do Estado na questão ambiental e, assim, contribuir com o esforço dos demais estados/países na preservação de suas florestas. Não é tarefa fácil compatibilizar desenvolvimento econômico com preservação ambiental, mas o Maranhão tem buscado apoio em outros Estados, trocado experiências e se esforçado bastante no processo de implementação da política ambiental. Receber a votação e o reconhecimento dos membros efetivos do GCF, no México, parece sinalizar que o Estado está no rumo certo”, destacou o secretário Marcelo Coelho.
Atualmente, são 29 estados e províncias de 08 países que integram essa força tarefa: Brasil, Espanha, Estados Unidos, Indonésia, México, Nigéria, Peru e Costa do Marfim. Do Brasil, além do Maranhão, ainda participam Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Tocantins e Rondônia.
O GCF
O GCF é uma iniciativa conjunta de Estados e Províncias dos EUA, Brasil, Indonésia, Nigéria e México, criada com o objetivo de implementar mecanismos de incentivo para a redução de emissões do desmatamento e degradação florestal (REDD+) entre seus estados participantes. A iniciativa foi criada em novembro de 2008 com o objetivo de compartilhar experiências, construir capacidades e desenvolver recomendações para autoridades e tomadores de decisão, considerando maneiras para integrar atividades de REDD+ e carbono florestal nos mercados emergentes de gases de efeito estufa. Estabelecida formalmente em 2009, o GCF tem trabalhado para estabelecer os elementos necessários para o desenho de programas de REDD+ de alto nível e de abrangência estadual/por províncias e em opções de como conectá-los à diversas oportunidades financeiras ligadas ou não a mercados.

Ascom

Francisco Nagib se reúne com equipe de profissionais que retomarão o projeto EJA Ativo

O prefeito Francisco Nagib se reuniu com a equipe de profissionais que retomarão as atividades do EJA Ativo. No encontro foram acertados os detalhes para a retomada do projeto, que acontece em doze pólos em todo município de Codó.
O EJA Ativo é um projeto de atividade física voltado para o público EJA (Educação de Jovens e Adultos) e também para a comunidade, principalmente mulheres. O público alvo é formado por alunos dos programas Educação de Jovens e Adultos e Brasil Alfabetizado, desenvolvido sob a supervisão da Secretaria Municipal de Educação.
Os educadores se dividem para atender a um público que cresce cada vez mais, pois a demanda aumenta e as aulas acabam atraindo muito mais que seu público alvo, abrangendo toda a comunidade. Os chamados ‘Aulões’ acontecem em locais abertos ou em escolas próximo da comunidade, onde o público tem oportunidade de se exercitar com muita música e dança.
Para o Prefeito Nagib, o projeto significa a oportunidade do público se exercitar de maneira dirigida e por profissionais qualificados. “A retomada desse importante projeto foi uma promessa de campanha, pois acreditamos na pratica da educação física como instrumento de saúde preventiva e na busca de qualidade de vida. Desejo sucesso a todos esses profissionais que irão levar esse projeto tão importante e salutar a doze comunidades diferentes,beneficiando milhares de pessoas”, concluiu.
Ascom – PMC

DESESPERO – Cesar Pires denuncia Zito Rolim no Ministério Público e Polícia Federal

O apresentador da rádio Eldorado AM, Daniel Sousa, afirmou na manhã desta segunda-feira (08), durante o programa A VOZ DO POVO, que o deputado estadual Cesar Pires denunciou, na semana passada, o ex-prefeito Zito Rolim, no Ministério Público Federal e na Policia Federal.

O radialista disse ainda que após Cesar Pires descobrir uma série de irregularidades praticadas pelo ex-prefeito durante seu governo, o deputado codoense estaria disposto a colocar Zito Rolim atrás das grades e tira-lo de uma possível disputa nas eleições do próximo ano. A decisão de Cesar Pires teria o apoio do grupo político do atual prefeito de Codó.
“(Zito Rolim) foi denunciado no Ministério Público Federal e na Policia Federal pelo deputado de Codó, Cesar Pires. Se depender do grupo político do atual prefeito de Codó, Zito Rolim não sairá candidato nas eleições do ano que vem”, disse Daniel.
Além de tirar Zito Rolim da disputa eleitoral do ano que vem, o deputado Cesar Pires também pretende forçar o ex-prefeito a apoiar a sua reeleição.
Cesar Pires está desesperado
A decisão tomada por Cesar Pires é um verdadeiro ato de desespero, pois o deputado sabe que tem poucos votos em Codó e uma possível candidatura de Zito Rolim ao cargo de deputado estadual complicaria sua reeleição. Caso consiga obter êxito em sua louca decisão de denunciar o ex-prefeito, o deputado de poucas ações também garantiria o apoio do grupo político do prefeito Francisco Nagib, pois o empresário Francisco Carlos de Oliveira prometeu que apoiaria a candidatura de Zito Rolim.
Tentamos entrar em contato com o ex-prefeito Zito Rolim e com o deputado estadual Cesar Pires, no entanto nenhum dos dois atendeu ou retornou nossas ligações.

Governador Flavio Dino se nega a pagar ex-vigilantes da SEDUC

Os Ex-vigilantes que prestaram serviço pra Secretaria de Estado da Educação do Maranhão (SEDUC) pedem socorro. Acontece que esses pais de família foram demitidos em Outubro de 2015 e até hoje tentam receber as verbas rescisórias e os salários atrasados.
O governo do estado foi acionado na justiça, juntamente com as empresas que estavam no contrato. O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) expediu uma liminar obrigando o Governo a pagar, porém depois de quase um ano isso nunca aconteceu.
Flávio Dino chegou a se comprometer a realizar o pagamento, o governador fez, inclusive, um cronograma de pagamento junto com o secretário Felipe Camarão, porém até o momento os servidores demitidos ainda não receberam o dinheiro e estão sendo ignorado pelo governador Flavio Dino.

9 verdades e 1 mentira sobre o governo de Francisco Nagib

“Nove verdades e uma mentira”. Provavelmente, você já se deparou com essa frase nas redes sociais. Trata-se de um desafio que consiste em enumerar nove situações verdadeiras, mas aparentemente improváveis, e uma que jamais aconteceu com a pessoa que participa da brincadeira na internet.
O Blog do Marco Silva se inspirou na famosa brincadeira que circula pelo Facebook, para colher nove verdades e uma mentira sobre o governo do prefeito de Codó, Francisco Nagib.
1 – Profissionais da comunicação da prefeitura ganham em média um salário mínimo.
Nunca na história de Codó um prefeito desvalorizou tanto os profissionais da comunicação que prestam serviço para seu governo. Praticamente todos os funcionários da assessoria de comunicação da prefeitura de Codó recebem apenas um salário mínimo por mês. A insatisfação é tão grande que os servidores estão fazendo corpo mole em seus locais de trabalho.
2 – Agnes Oliveira recebeu duas diárias para o mesmo dia em São Luís.
O que parecia impossível aconteceu. A primeira dama de Codó, Agnes Oliveira, recebeu duas diárias em um único dia para a mesma cidade. A mulher do prefeito embolsou, no dia 15 de março, duas diárias para a cidade de São Luís no valor de R$ 397,60 (cada), a informação pode ser consultada no portal da transparência da prefeitura municipal de Codó (veja aqui).
3 – Nagib não consegue aceitar críticas negativas sobre seu governo.
Acostumado a ser elogiado em seu ambiente de trabalho, o prefeito Francisco Nagib odeia receber críticas sobre seu governo. Alguns vereadores reclamam que durante as reuniões são constantemente advertidos por Nagib quando tentam expor algum problema existente no município.
4 – Primeira Dama de Codó odeia o blogueiro Marco Silva.
Durante uma reunião com Francisco Nagib em seu gabinete na prefeitura municipal de Codó, Marco Silva foi surpreendido por Agnes Oliveira, que afirmou que o jornalista teria que provar na justiça o que foi publicado em seu blog. A primeira dama aparentava estar muito enfurecida. Tanto ódio teria sido motivado por uma matéria publicada poucos dias após o carnaval de Codó (reveja).
5 – Mudança de banco foi feita mesmo após licitação ter sido cancelada.
O prefeito Francisco Nagib anunciou através de entrevista em uma rádio de sua propriedade que os funcionários da prefeitura passariam a receber seus salários no Bradesco e não mais no Banco do Brasil. A medita tomada pelo gestor municipal deixou muitos servidores contrariados. O que muita gente não sabe é que o contrato foi fechado sem licitação, pois segundo informações publicadas no Diário Oficial do estado do Maranhão, o PREGÃO PRESENCIAL Nº 25/2017 PP, foi revogado dia 12 de abril, poucos dias antes do anuncio do prefeito.
6 – HGM possui 4 médicos de plantão 24 horas por dia.
O início do governo do prefeito Francisco Nagib foi trágico, mais de 10 pessoas morreram no HGM por falta de medicamentos, equipamentos, ambulância ou negligencia médica. Depois dos trágicos acontecimentos, o prefeito demitiu o diretor do hospital, contratou uma nova administradora e colocou quatro médicos de plantão 24 horas por dia. A decisão do prefeito agradou os codoenses que não tiveram mais problemas ao buscarem atendimentos no HGM.
7 – Todas as obras inauguradas por Nagib não foram construídas em seu governo.
Nunca na história de Codó um prefeito inaugurou tantas obras em tão pouco tempo, algumas de destaque como a escola estadual da localidade Km 17 e Centro Nefrológico de Codó, no entanto nenhuma obra inaugurada pelo prefeito codoense foi construída em seu desastroso governo.
8 – Aliados estão extremamente decepcionados com o prefeito de Codó.
Eleito nas últimas eleições com o apoio de 117 candidatos a vereador, o prefeito Francisco Nagib não para de decepcionar seus aliados, a cada dia que passa aumenta o número de insatisfeitos e sua impopularidade está crescendo no mesmo ritmo.
9 – Setor da comunicação da prefeitura é comandada por Cicero de Sousa.
Como se não bastasse a falta de valorização, os profissionais do setor da comunicação da prefeitura de Codó são obrigados a receberem ordens de vários patrões, entre eles o diretor da FCTV, Cícero de Sousa, que determinou que nada do governo é divulgado sem  antes passar por seu aval.
10 – Codó tem dois prefeitos, um de fato e outro de direito.
A Cidade de Codó deverá entra para história política do país, com dois prefeitos, um de fato e outro de direito. Pois quem verdadeiramente comanda a prefeitura é o pai do prefeito que semanalmente se reúne com vereadores, secretários e fornecedores. Qualquer grande decisão do governo é somente tomada depois que passa pela aprovação do prefeito de direito e não o de fato.