Beneficiário tenta vender de forma ilegal casa no residencial Trizidela

Residencial Trizidela

Um morador do Residencial Trizidela, conjunto habitacional financiado pelo programa “Minha Casa, Minha vida”, do Governo Federal, no município de Codó, está colocando sua casa à venda irregularmente em grupos de compra e venda no WhatsApp.

A pratica é comum na cidade de Codó, testemunhas afirmam que vários imóveis nos residenciais Santa Rita, Trizidela e São Pedro, já foram vendidos ou alugados.

Casa colocada a venda na Trizidela

No WhatsApp, a pessoa que tenta vender sua casa diz: “Vendo uma casa no Residencial da Trizidela mais informações e negociações no PV”, o anuncio é acompanhado de uma fotomontagem que mostra a parte da frente da casa, banheiro, cozinha e sala. Entramos em contato com o vendedor que nos reconheceu, e tentou contornar o erro afirmando que se tratava de um equívoco a venda do imóvel.

Entregue pelo ex-prefeito Zito Rolim, em julho de 2013, o Residencial Trizidela dispõe de infraestrutura completa de pavimentação, rede de água, esgotamento sanitário, energia elétrica, sistema de drenagem e 3% dos imóveis disponibilizados para pessoas com deficiência. As casas também têm a possibilidade de serem readaptadas, em caso de limitações físicas do morador.

Proibido

O problema é que esses imóveis são financiados pela faixa I do programa Minha Casa Minha Vida. É a mais baixa, até R$ 1,6 mil de renda familiar. Por isso, o governo proíbe que os imóveis sejam vendidos antes da quitação do financiamento, uma maneira de garantir que o programa alcance sua finalidade: atender pessoas de baixa renda, que jamais conseguiriam, de outra forma, ter casa própria. No entanto, não é difícil encontrar gente disposta a burlar as regras.

Governo federal pode punir quem tenta vender o imóvel antes dos 10 anos

Caso oferte o imóvel à venda ou para aluguel, antes da quitação da dívida, ou ainda se firmar “contrato de gaveta”, estará caracterizada a irregularidade. Neste caso, o banco pode pedir na Justiça a retomada do imóvel. É importante destacar que, durante o curso da ação de retomada do imóvel e antes de sua consumação, o beneficiário pode quitar a dívida pelo seu valor integral e, assim, evitar a perda do imóvel.

Continue Reading

Francisco Nagib envia Gestor da Juventude à São Luís em busca de recursos para juventude universitária

     Valdeci Calixto e César Pires

São quase 500 jovens universitários que se deslocam todos os dias para nossa vizinha cidade Caxias, o que gera um considerável custo aos Estudantes Universitários que residem em Codó. Preocupado com a formação acadêmica de nossos jovens, o Prefeito Francisco Nagib enviou o Gestor da Juventude, Valdeci Calixto, à São Luís em busca de convênios para custear o transporte de nossos acadêmicos.

“Inicialmente estivemos na Assembleia Legislativa onde formos recebidos pelo sensato e comprometido Deputado César Pires, que se sensibilizou com a causa mais que justa e nos conduziu ao Governo do Estado através da Secretária de Juventude”, disse Valdeci.

Com o projeto em mãos orçado em 58.000,00 R$/mês, o Gestor da Juventude foi recebido pela Secretária de Estado da Juventude, Tatiana Pereira, assim como seu adjunto.

“A Secretária de Estado da Juventude e seu adjunto são nossos grandes parceiros de longa data. Providências já foram tomadas, pois hoje mesmo (24/01) o Governador Flávio Dino já recebeu e discutiu o projeto de custeio, aguardando agora o parecer jurídico e contábil. As dificuldades podem parecer grandes, mas é de mãos dadas que venceremos cada desafio. A palavra desistir não pertence ao nosso vocabulário. Eis que estamos só no começo do Governo Mais Avanços, mais conquistas”, afirmou Calixto.

Continue Reading

Suposto suicídio de menor de 6 anos intriga a polícia do Maranhão

O menor Luis Gustavo, de apenas seis anos, foi encontrado pela mãe pendurado em uma corda na sua residência, na cidade de Porto Franco, por volta das 17h de domingo, dia 22.

Três detalhes chamaram a atenção: o pescoço estava quebrado, os pés do menor tocavam o chão, e como uma criança poderia se enforcar?

Com bases nesta curiosidade e por causa de depoimentos de vizinhos, a mãe da criança, Maristela, residente à rua São José Guimarães, começou a ser alvo de investigação.

Quem esteve no local, ficou perplexo com o rosto do menor que não apresentava roxura e os pés estavam topando no chão.

Fonte: Luís Cardoso

Continue Reading

Roseana pode ser presa e nem disputar a eleição em 2018

Num desejo meramente seu, o ex-deputado Francisco Escórcio postou nas redes sociais que Roseana Sarney concorrerá novamente ao cargo de governadora. Só que estamos no início de 2017 e, até outubro do próximo ano, Roseana pode parar atrás das grades.

Corre na Justiça o processo que pode mandar para a prisão, antes da eleição de 2018, a ex-governadora Roseana Sarney, se cumpridos os prazos legais e regimentais e diante da decisão do STF que prevê a reclusão de condenados em segunda instância, independente de recursos.

Roseana Sarney, seu então secretário da Fazenda Cláudio Trinchão e outros menos citáveis foram indiciados criminalmente quando a Justiça acatou denúncia do Ministério Público de desvio de quase R$ 1 bilhão na Secretaria da Fazenda, através de um esquema criminoso de isenções fiscais e compensações tributárias ilegais.

Titular da 2ª Promotoria de Justiça da Ordem Tributária e Econômica, o promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos denunciou o esquema que lesou o povo maranhense em R$ 1 bilhão, consistente de isenções fiscais criminosas, compensações tributárias ilegais, exclusão de autos de infração, reativação de parcelas nunca antes pagas, carga tributária nula e contratação de uma empresa especializada em tecnologia para mascarar os delitos e garantir a continuidade dos crimes.

Diante das denúncias graves atreladas a seu nome, Roseana trabalha um mandato que lhe garanta foro privilegiado. Sem isso, a ex-governadora maranhense pode ir parar na cadeia. Por isso ela corre contra o tempo e torce para que o processo se arraste até depois de outubro de 2018, de modo que garanta pelo menos uma vaga de deputada estadual.

Fonte: John Cutrim

Continue Reading

Operação comandada por Zilmar Santana apreende mais de R$ 50 mil em drogas no bairro Codó Novo

Delegado Zilmar Santana (agachado e de camisa branca) e equipe

Uma Operação desencadeada pela Delegacia Regional de Codó, comandada pelo delegado Zilmar Santana, mas que contou com a participação dos delegados de Codó, Peritoró e Timbiras e resultou nas prisões de: Nádila Rosangela Teixeira Gomes, 27 anos, seu irmão João Teixeira Gomes, 36 anos e Agamenon Alves Santos, 29 anos.

A Operação foi intitulada por “Chocolate Branco”, nome alusivo ao local da Ação, realizada nas imediações do Morro do Chocolate, no bairro Codó Novo, e por conta do apelido de um dos suspeitos de tráfico ser conhecido também por “Branco”.

A ação resultou ainda, na apreensão de aparelhos celulares, uma balança de precisão, uma quantia em dinheiro, além de quase dois quilos de cocaína e um quilo de Crack. De acordo com o delegado Rômulo Vasconcelos, a droga estava avaliada em quase R$ 50.000 (cinquenta mil reais) e ressaltou ainda que: “fazia tempo que ele não realizava a apreensão de tão grande de cocaína”

Quando percebeu que os policiais estavam fazendo o cerco em sua residência, Nádila ainda tentou jogar parte da droga no sanitário, porém os policiais chegaram a tempo e evitaram que a droga fosse jogada fora.

Vale lembrar que a Operação contou com apoio de Policiais Militares do 17º BPM, Agentes de Polícia Civil e alguns outros colaboradores e foi avaliada como uma Operação de sucesso. Parabéns a todos!

Fonte: Blog do Bezerra

Continue Reading

Douglas Bezerra se diz arrependido e usa rede social para pedir desculpas ao prefeito Francisco Nagib

          Douglas Bezerra

O agente de Endemias Douglas Bezerra, usou seu perfil oficial no Facebook na semana passada para mostrar toda sua decepção com o atual prefeito de Codó, Francisco Nagib, o jovem que foi um dos principais cabos eleitorais e defensores de Nagib na última eleição afirmou em uma publicação que “A maior decepção é aquela que vem nunca esperamos”.

Publicação feita por Douglas Bezerra na semana passada

O Blog do Marco Silva publicou aqui a história de Douglas Bezerra, que ficou famoso no WhatsApp por disparar as seguintes frases: “queria ser uma fêmea para cruzar com o Nagib” “se o Nagib lhe batesse pela manhã, a tarde ele ainda votaria nele. A publicação do Blog foi uma das mais visualizadas por nossos leitores e o assunto tomou conta da cidade, todos comentavam péssima a atitude do jovem prefeito em abandonar um dos seus principais aliados.

A repercussão negativa de sua atitude, fez com que Francisco Nagib chamasse Douglas Bezerra para uma conversa olho no olho com o intuito de acertar os ponteiros. O prefeito aceitou os pedidos do agente de endemias, mas fez apenas uma exigência, que ele fosse nas redes sociais pedir desculpas por sua atitude impensada. Veja:

Contribua com o BLOG DO MARCO SILVA, enviando sua Matéria, Sugestão ou Denúncia para o WhatsApp: (99) 9 8857 5056

Continue Reading

Sisu abre inscrição para vagas do primeiro semestre de 2017

As inscrições para a primeira edição de 2017 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) foram abertas na madrugada desta terça-feira (24) e vão até sexta-feira (27). As inscrições devem ser feitas no site http://sisu.mec.gov.br/.

Os estudantes podem selecionar até duas opções de cursos; o sistema seleciona os aprovados segundo a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), considerando os pesos específicos de cada opção.

No primeiro semestre de 2017, serão 328.397 vagas de graduação em 131 universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e instituições estaduais. Segundo o MEC, o aumento de vagas foi de 4,5% em relação ao primeiro semestre de 2016.

CALENDÁRIO DO SISU

  • Inscrições: 24 a 27 de janeiro
  • Chamada regular: 30 de janeiro
  • Prazo para entrar na lista de espera: 30 de janeiro a 10 de fevereiro
  • Matrícula da chamada regular:3 a 7 de fevereiro
  • Convocação dos candidatos da lista de espera: a partir de 16 de fevereiro

Dúvidas sobre o Sisu

Abaixo, o G1 lista 13 dúvidas básicas que mostram quais são os passos essenciais para participar do processo que utiliza a nota do Enem.

Veja a lista de dúvidas respondidas nesta reportagem:

  • Como funciona o sistema?
  • Qual o prazo e como fazer a inscrição?
  • É preciso ter nota mínima?
  • Qual a diferença de ampla concorrência e ações afirmativas?
  • Sempre vale a pena disputar vagas pela lei de cotas?
  • Minha nota no Enem será a mesma em todas as universidades?
  • O que é a nota de corte que aparece em cada curso?
  • Como escolher a primeira e a segunda opção de curso?
  • Como usar a ‘classificação parcial’?
  • Quando sai o resultado?
  • Como funcionam as listas de espera?
  • Terei nova chance no segundo semestre?
  • O que fazer em caso de problemas técnicos?

Como funciona o sistema?

O Sisu seleciona os candidatos considerando as notas no Enem, divulgadas na última quarta-feira (18). Podem participar deste primeiro semestre, qualquer pessoa que tenha feito uma das três edições do Enem em 2016. São oferecidas 328.397 vagas de graduação em 131 universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e instituições estaduais. Segundo o MEC, o aumento de vagas foi de 4,5% em relação ao primeiro semestre de 2016.

Qual o prazo e como fazer a inscrição?

Até as 23h59 desta sexta-feira (27) é possível fazer a inscrição e mudar as escolhas quantas vezes o estudante quiser. O candidato deve acessar o site do Sisu (http://sisu.mec.gov.br/) e preencher os campos com número de inscrição no Enem 2016 e senha. Em seguida, é possível visualizar as notas no exame – divididas pelos campos de conhecimento.

Para fazer a inscrição, após visualizar seu desempenho, o estudante deve realizar uma busca por curso, instituição de ensino ou cidade. Ele precisa indicar a primeira e a segunda opção de curso a que deseja concorrer.

É preciso ter nota mínima?

Sim, algumas instituições estabelecem uma nota mínima para candidatos às suas vagas. O estudante precisa ficar atento porque algumas universidades definem pesos diferentes para cada área de conhecimento. Um curso de física, por exemplo, pode dar mais peso à nota de ciências da natureza.

Por isso, caso não tenha atingido a nota para determinada vaga, o sistema avisará que não é possível concluir o processo.

Qual a diferença de ampla concorrência e ações afirmativas?

As ações afirmativas estão garantidas pela lei federal prevê quatro tipos de cotas: alunos de escola pública; para alunos de escola pública que tenham renda familiar de até 1,5 salário mínimo; para alunos de escola pública que se declarem negros, pardos ou indígenas; e para alunos de escola pública que tenham renda familiar de até 1,5 salário mínimo e também se declarem negros, pardos ou índios.

O candidato deve optar, na inscrição, se deseja participar das vagas reservadas pela lei de cotas ou se concorrerá pelas demais.

Desta parcela de vagas reservadas a quem estudou em escola pública, metade é destinada àqueles com renda familiar bruta mensal por pessoa de até um salário mínimo e meio. Também há critérios de cor ou raça – para pretos, pardos e índigenas, de acordo com a parcela que representam na população na unidade da Federação onde a faculdade se encontra. O dado pode ser consultado no último Censo divulgado.

Algumas universidades podem, além das cotas, adotar um bônus como forma de ação afirmativa. Nesse caso, o estudante entra no grupo de ampla concorrência e sua nota recebe a bonificação estipulada pela instituição de ensino.

É essencial que o candidato que disputará vagas de cotas tenha a documentação que comprove o seu direito. Caso seja convocado e não mostre os papéis requisitados pela universidade, perderá a vaga.

Sempre vale a pena disputar vagas pela lei de cotas?

Não. É preciso verificar as notas de corte. Como elas variam de acordo com o desempenho dos inscritos para cada vaga, não é possível garantir que cotistas terão mais facilidade para ser aprovados do que os candidatos da ampla concorrência. Por isso, às vezes vale a pena “abrir mão” por uma nota de corte menor.

Minha nota no Enem será a mesma em todas as universidades?

Não necessariamente. Cada universidade pode atribuir pesos diferentes às disciplinas, ou seja, o mesmo candidato pode ter uma nota mais alta em uma universidade e mais baixa em outra. Esse cálculo da nota no Sisu tem como base espécies de “bonificações” que o sistema aplicará automaticamente sobre a nota obtida no Enem 2016.

O que é a nota de corte que aparece em cada curso?

Ao buscar cursos no sistema, o estudante encontra a nota de corte já calculada. Ela foi baseada no desempenho do último candidato que seria aprovado, de acordo com o número de vagas. Por exemplo: em um curso que oferece 30 vagas, a nota de corte será a nota do 30º candidato com melhor desempenho, dentre os que se inscreveram nesta opção.

Essa nota de corte é dinâmica e varia de acordo com a procura pelos cursos. O MEC reforça que as notas de corte são apenas uma referência para auxiliar o estudante no processo de escolha de cursos. Mesmo estando acima da nota mínima, pode ocorrer que o candidato não seja aprovado porque o sistema é dinâmico e recebe novas inscrições ao longo do dia.

Como escolher a primeira e a segunda opção de curso?

A primeira opção deve ser o que o candidato prefere cursar. A segunda opção deve ser o que aceitaria estudar, mas não consiga a primeira opção.

Isso porque, caso o candidato seja aprovado tanto na primeira quanto na segunda opção, ele não poderá fazer a escolha: só terá como se matricular naquele curso que foi indicado em primeiro lugar. Por isso, é importante realmente colocar em primeiro o que for mais desejado.

Caso a pessoa só seja aprovada na segunda opção, ela pode continuar concorrendo por uma vaga no curso indicado como prioritário.

Se o candidato não for aprovado em nenhuma das duas opções, ele só poderá concorrer a vagas na reclassificação relativas ao primeiro curso indicado.

Tanto na primeira quanto na segunda opção, o candidato deve tentar fazer uma escolha consciente e apontar cursos em que realmente tenha chance de ser aprovado. Uma forma de se guiar nesse momento é examinar as notas de corte parciais divulgadas no Sisu. Caso sejam muito distantes daquela alcançada pelo estudante, a chance de ser convocado diminui – ou seja, não compensa “gastar” sua inscrição em algo que parece tão distante.

Como usar a ‘classificação parcial’?

Após escolher o curso, o sistema exibe a chamada “classificação parcial”. Ela funciona como uma referência que auxilia o candidato a entender se tem ou não chances de ser aprovado. Ele pode estar, por exemplo, em 38º em um curso de 30 vagas. Ou seja: 8 pessoas precisam mudar suas escolhas para que ele consiga a vaga na primeira chamada (ou que oito não se matriculem e ele tenha manifestado interesse na lista de espera).

Quando sai o resultado?

O Sisu divulgará a única lista de aprovados no dia 30 de janeiro. As matrículas serão feitas entre os dias 3 e 7 de fevereiro.

Como funcionam as listas de espera?

Caso estudantes convocados na lista do Sisu não façam a matrícula ou desistam posteriormente dela, podem abrir novas vagas no curso. Elas serão disputadas pelos candidatos que indicaram aquele curso como primeira opção no sistema.

Para concorrer a uma dessas vagas, o estudante deve manifestar interesse em participar do processo seletivo. Entre os dias 30 de janeiro e 10 de fevereiro, precisam entrar no portal do Sisu para formalizar o pedido.

Caso haja vagas, a convocação será feita pelas próprias universidades, a partir de 16 de fevereiro – não mais pelo portal. Cabe a cada candidato ficar atento ao calendário da faculdade pretendida.

Terei nova chance no segundo semestre?

Haverá uma segunda edição do Sisu ainda em 2017, que tomará como base as mesmas notas do Enem 2016. Todos os que fizeram o exame e não zeraram a redação podem participar novamente do processo, mesmo que já estejam matriculados em alguma universidade.

É importante verificar nos editais dos cursos se haverá oferta de vagas para o segundo semestre. Alguns são anuais e só abrem processos seletivos uma vez ao ano.

O que fazer em caso de problemas técnicos?

Se o candidato tiver dificuldades para fazer a inscrição, deve ligar para o 0800-616161. É comum que o problema esteja no computador usado pelo estudante. Vale a pena tentar em outras máquinas ou mudar o navegador do computador.

É recomendado não deixar para fazer a inscrição em cima da hora: problemas técnicos podem acontecer no site do Sisu e o candidato passará a correr o risco de perder a oportunidade de concorrer.

Fonte: G1

Continue Reading

Jovem tem corpo queimado por namorado após negar manter relações sexuais

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul segue na busca de de Michael de Andrade Ribas, de 28 anos, que ateou fogo na namorada, uma jovem de 18 anos, neste domingo (22).

O caso ocorreu no município de Vacaria, distante 240 quilômetros de Porto Alegre e a jovem de 18 anos segue internada em estado grave com 80% do corpo queimado.

Segundo informações da Polícia, Michael jogou gasolina e ateou fogo na jovem após ela recusar-se a manter relações sexuais. Parte da casa onde o casal mora também pegou fogo e ficou destruída.

Três pessoas, parentes de Michael, que também residem na casa, prestaram socorro à jovem tentando apagar o fogo com um banho de chuveiro.

A vítima foi socorrida e levada ao hospital Nossa Senhora da Oliveira, em Vacaria, onde está internada na UTI, mas deve ser transferida para um hospital em Porto Alegre.

Michael fugiu da casa e, em seguida, procurou atendimento em uma Unidade de Pronto Atendimento da cidade com queimaduras nas costas e nas pernas.

No entanto, ele notou que a polícia havia sido avisada e fugiu do hospital.

Segundo informações da Polícia gaúcha, Michael é foragido do sistema penitenciário e cumpria pena no Instituto Penal de Passo Fundo, de onde foi liberado para procurar emprego e não voltou mais.

Michael possui antecedentes criminais por sete roubos, sete furtos e duas tentativas de homicídio. A Polícia Civil já pediu a prisão preventiva dele por tentativa de homicídio.

*Informações do repórter Fernando Martins

Continue Reading

ATENÇÃO – Inscrições no SISU 2017 começam daqui a pouco

Daqui a poucas horas, precisamente às 0h desta terça-feira (24), serão abertas as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de 2017, que ocupara mais de 238 mil vagas em instituições públicas de ensino superior com base nas notas do Enem 2016.

Todas as fases deste primeiro processo seletivo do sistema ocorrerão pela internet, no endereço eletrônico sisu.mec.gov.br. Ao acessar a página do programa o candidato poderá fazer a consulta de vagas e então se inscrever em até duas opções de curso, em ordem de preferência. Vale lembrar que a inscrição é gratuita e que o participante deverá também optar pela modalidade de disputa, entre cotas e ampla concorrência.

Durante a fase de inscrições, que encerrará às 23h59 da sexta-feira (27), o sistema atualizará diariamente as notas de corte de cada opção de curso/turno/instituição, além da classificação parcial dos candidatos para suas escolhas. Com base nestas informações, os concorrentes poderão alterar suas opções de curso até o final das inscrições.

A etapa seguinte é a chamada regular, que nada mais é do que a divulgação do resultado com a lista de aprovados em cada curso/modalidade de concorrência. Sua liberação ocorrerá no próprio site do Sisu, no dia 30 de janeiro.

Os classificados nesta epata deverão providenciar a matrícula acadêmica entre 3 e 7 de fevereiro, mediante entrega da documentação exigida diretamente na universidade ou instituto federal de oferta do curso.

Já os não aprovados poderão continuar concorrendo por meio da Lista de Espera. O prazo para cadastro na lista vai do dia da liberação da chamada regular até 10 de fevereiro. As chamadas complementares das instituições com vagas remanescentes serão feitas com base na lista e terão início no dia 16 seguinte.

Continue Reading

Vereador Valdek Frota participa do ato solene de assinatura do termo de acordo e cooperação entre o exército e a prefeitura de Codó

O Prefeito de Codó, Francisco Nagib, assinou neste sábado, 21, o termo de acordo e cooperação entre a Prefeitura de Codó e o Exército Brasileiro.

O vereador Valdek Frota estava presente na solenidade e ressaltou os benefícios que a unidade historicamente trás para a comunidade.

“O TG é um local onde os jovens aprendem a ter disciplina, responsabilidade e patriotismo, valores extremamente necessários para a formação de um cidadão de bem e que hoje estão se perdendo”, disse o vereador.

Foi apresentado para as autoridades presentes o novo comandante de instrução do TG, Sargento Leandro Cavaleiro.

Contribua com o BLOG DO MARCO SILVA, enviando sua Matéria, Sugestão ou Denúncia para o WhatsApp: (99) 9 8838-9805

Continue Reading