Delegado Rômulo fala sobre o homem que está mantendo esposa e filhos reféns

O delegado Rômulo Vasconcelos concedeu entrevista agora a pouco e falou sobre o caso do homem, identificado como Raimudão, que continua mantendo a esposa e filhos reféns na rua Nossa Senhora Aparecida, bairro São Raimundo, em Codó.

Raimudão mantém a família em cárcere privado desde às cinco horas da manhã e a polícia continua as negociações na tentativa de libertá-los.

Assista a entrevista:

Advogado de Bombado ameaça processar o blog do Marco Silva

Advogado Isac Viana (Imagem: TV Cidade)

O advogado Isac Viana, que está defendendo Leonildo Santos Mota, popularmente conhecido como Bombado, das acusações de ser um dos suspeitos de executar os irmãos Maxwel Francisco de Sousa Oliveira, de 21 anos, e Francisco Maxwel de Sousa Oliveira, de 25 anos, que foram mortos dentro de casa, concedeu entrevista a repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade, afirmando que seu cliente é inocente e que vai “tomar as medidas que couberem” contra o blog do Marco Silva, dando a entender que pretende nos processar.

Assista:

O advogado Isac Viana parece que não conhece muito bem as leis, pois o direito de informar é protegido pela Constituição Federal em seu art. 5º, IV.

O blog do Marco Silva não cometeu nenhuma irregularidade na divulgação dos nomes e fotos dos principais suspeitos do crime bárbaro que chocou a população de Codó, pois publicamos a matéria baseado em uma fonte fidedigna, e não apenas em fofocas ou boatos.

A República Federativa do Brasil, instituída como um Estado Democrático de Direito, assegura, em seu inciso XIV, a todos o acesso à informação, e isso foi feito por nosso blog, levamos a informação aos internautas. Os nomes e fotos dos suspeitos foram enviados por uma autoridade policial, que nos afirmou que uma testemunha que estava no local do crime teria reconhecido os dois. Produzimos a matéria sem nenhum juízo de valor sobre os fatos, apenas veiculando uma notícia que é de interesse público.

É importante lembrar que o STF já manifestou entendimento (RE687768 MA) que diz ser legítima a atuação da imprensa quando apenas publica informações, inclusive com imagens, desde que vinculadas a notícias de interesse público, de cunho jornalístico e sem fins lucrativos.

Por sua vez, o STJ (AgRG no AREsp 592246 SP 2014/0243720-7) trilhando os mesmos passos que o Supremo, entende que não existe ofensa à honra dos cidadãos quando, no exercício do direito de liberdade de imprensa, há divulgação de informações verdadeiras e fidedignas a seu respeito, principalmente quando exercido em atividade investigativa e sejam informações de interesse público.

Portanto caro advogado, faça seu trabalho que é defender seus clientes, que eu faço o meu que é noticiar os fatos.

Por Marco Silva.

COMPARTILHE APRENDENDO – A BIBLIOTECA PÚBLICA DE CODÓ

A BIBLIOTECA PÚBLICA DE CODÓ

Este local para leitura e pesquisas da clientela estudantil e o público em geral, principalmente os amantes da leitura, foi criado em abril de 1939, em conformidade o  Decreto-Lei número 1.202 de 08 de abril daquele ano, de autoria do Departamento Administrativo do Estado.

O prefeito à época, Sebastião Acher da Silva, sancionou Lei, oficializando a Biblioteca, anexada à Agência Municipal de Estatística, conforme lei 23 de abril de 1.940.

A referida Biblioteca recebeu a denominação “Dr. Paulo Ramos” em homenagem ao ilustre caxiense pelos relevantes serviços prestados  à terra maranhense, como Interventor Federal do Maranhão, durante  a ditadura Vargas.

Decorrido 32 anos, na gestão do prefeito Moisés Reis foi construído e inaugurado o prédio da Biblioteca, na Praça Alcebíades Silva, constituído de vários salas para leitura, inclusive o gabinete do diretor ou diretora.

A Biblioteca passou a ter nova denominação  “Biblioteca Municipal Fernando Carvalho” conforme Lei de numero 435, de 10 de outubro de 1972, sancionada pelo prefeito Moisés Alves dos Reis.

Codó-MA, 25 de maio de 2018

 

 

Prof. Carlos Gomes

Quer andar com estilo e elegância? Então conheça a nova Lojas Paraíso

Quer andar com estilo e elegância? Então venha conhecer a nova Lojas Paraíso localizada na praça Ferreira Bayma, 515, Centro.

Pra você que gosta de estar por dentro das novidades, temos nossos grupos de whatsapp para mantê-los sempre informados.

Gostou de algum produto? Não pode vim a loja? Podemos ir até a comodidade da sua casa.

Aceitamos todos os cartões, temos crediário próprio e aquele desconto especial nas suas compras à vista.

Lojas Paraíso, em sintonia com a moda e com você!

Instagram: @lojasparaiso

Whatsapp: (99) 98845-5846

Maranhão tem a menor taxa de abandono escolar dos últimos dez anos, segundo MEC

Foto: Gilson Teixeira)

O Maranhão alcançou, em 2017, a menor taxa de abandono da série histórica registrada nos últimos dez anos no Ensino Médio. A reprovação também teve o menor percentual da década e a taxa de aprovação nesse nível de ensino cresceu 6% em relação a 2016. Os dados foram divulgados na quinta-feira (24) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em Brasília (DF). O Inep é uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação (MEC).

De acordo com o Inep, a rede estadual de ensino do Maranhão apresentou queda significativa da taxa de abandono escolar nos últimos anos, caindo de 10,5% em 2014, para 8,8% em 2015, 8,7% em 2016 e, no ano passado, 6,4%. O estado teve em 2010 um elevado índice de abandono na rede estadual, chegando ao alarmante percentual de 15,8%.

A taxa de aprovação deu um salto de 77,4% em 2014, para 86% em 2017, o que corresponde um aumento de 8.6 pontos percentuais. É a maior taxa da série história em dez anos, atingindo, assim, a meta estabelecida pelo Ministério da Educação.

Outro indicador educacional que melhorou no Maranhão foi o percentual de reprovação no Ensino Médio ofertado pela rede estadual de ensino. Em 2014, a taxa era de 12,1% e, em 2017, diminuiu para 7,6%, a menor da série histórica desde 2007.

A taxa de aprovação escolar, juntamente com as notas de proficiência em Língua Portuguesa e Matemática (obtidas na Prova Brasil), compõem o cálculo do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), principal indicador da qualidade da educação básica no Brasil.

“Os dados revelam o compromisso do governador Flávio Dino com a educação de qualidade para todos os maranhenses. Basta comparar os dados de 2014 para trás; o Maranhão está avançando e já apresenta o maior crescimento da série histórica, com indicadores que demonstram a política séria e estruturante que impactará na educação de muitas gerações”, destacou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

Ascom

Em passagem pelo Médio Mearim, Adelmo Soares parabeniza região pela AGRITEC

Nos últimos três dias, a cidade de Lago da Pedra no Médio Mearim tornou-se a capital maranhense com a realização da 16° edição da Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (AGRITEC); com a presença de autoridades, lideranças políticas e o governador Flávio Dino, o evento foi um enorme sucesso.

Outro grande destaque foi a presença do ex-secretário da SAF e pré-candidato a deputado estadual, Adelmo Soares, que ao lado dos prefeitos da região Médio Mearim, Laércio Arruda (Lago da Pedra) e Chico Freitas (Lagoa Grande) consolidou o seu nome e apoio de aliados.

Adelmo que tem realizado reuniões e diálogos com os sindicatos, está sendo apresentado pelos movimentos sociais, FETAEMA e MST como o pré-candidato da classe, tendo se fortalecido devido à excelente gestão e legado deixado na pasta da agricultura familiar, onde promoveu com apoio do Governo do Estado, uma verdadeira revolução, garantindo voz e espaço aos que antes eram invisíveis.

Ao ser procurado pelo blog, Soares falou orgulhosamente sobre a realização da AGRITEC. “Quando idealizamos esse projeto, sabíamos da importância e necessidade de fortalecemos a agricultura familiar e de capacitar, levar informações e garantir mais dignidade aos nossos trabalhadores e trabalhadoras rurais. Hoje, a feira já é um sucesso e chegando à 16ª edição”, afirmou.

Na ocasião, o ex-gestor não deixou de destacar e parabenizar a toda equipe. “O sucesso da feira vem principalmente do trabalho de toda equipe, dos prefeitos da região, dos sindicatos e movimentos sociais, parceiros e de todos os servidores que estão nos bastidores, preocupados e empenhados em fazer o melhor. O secretário Júlio Mendonça, a presidenta Loroana Santana e todos os envolvidos do Sistema SAF deram o seu máximo”.

Adelmo Soares, tem consolidado o seu nome para o legislativo estadual, mostrando que trabalho e empenho garantem bons resultados.

Ascom

ESCÂNDALO! Vaza suposto vídeo de Pastor Bel se masturbando

Já circula em vários grupos de WhatsApp um vídeo que seria o líder da Igreja Assembleia de Deus no Maranhão, Pastor Bel.

No vídeo, Bel aparece fazendo cena obscena com a língua e também se masturbando. Ele foi gravado em ligação de chamada de vídeo.

Pastor Bel faz política no Sul do Maranhão e é segundo suplente do senador Edison Lobão. Atualmente, o líder evangélico é pre-candidato ao Senado.

VEJA AQUI NO LINK (OBS: cenas só para maiores de 18 anos):

Com informações do blog do Luis Pablo

O Imparcial destaca revolução realizada por Adelmo Soares na Agricultura Familiar do Maranhão

Quase meio bilhão de reais foi investido no setor nos últimos três anos. Segundo Adelmo Soares, que comandou até abril a pasta da Agricultura Familiar, ocorreu “uma revolução no setor”. Os agricultores já colhem vários tipos de produtos alimentares que lhes garantem renda.

Nos três anos e três meses de Adelmo Soares no comando da Secretaria de Agricultura Familiar do Maranhão, foram investidos quase R$ 500 milhões em ações de educação rural, capacitação técnica e empreendedorismo. Pela primeira vez, entraram em operação os sistemas de irrigação e acesso à água no desenvolvimento das diversas cadeias produtivas ligadas ao segmento. Foram captados recursos de R$ 41 milhões do Fundo Amazônia para operacionalizar o Cadastro Ambiental Rural. Adelmo Soares lembra que a principal motivação para o trabalho veio da determinação do governador Flávio Dino em oferecer políticas públicas a quem mais precisasse — é o caso da Agricultura Familiar.

“O apoio ao agricultor familiar foi feito de maneira conjunta, entre o governo e as en-tidades representativas deste, como a Fetaema (Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura do Maranhão) e os Sindicatos dos Trabalha-dores e Trabalhadoras Rurais nos diversos municípios maranhenses”.

A Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura Familiar aplicou R$ 13,6 milhões em projetos de ovinocaprinos, aves caipiras, feijão caupi, mel de abelha, caju, mandioca e abacaxi, proporcionando distribuição de renda entre os pequenos agricultores familiares. As ações atingiram 82 municípios e beneficiaram 2.464 famílias. Outros R$ 12,7 milhões foram investidos em regularização fundiária, registro de terras em 17 mil processos digitalizados.

A comercialização de produtos da agricultura familiar com acesso a mercados tem gerado negócios de R$ 22 milhões para os produtores e mais de 25 mil deles capacitados nas 14 edições da Agritec. As comunidades indígenas foram beneficiadas com R$ 600 mil para o desenvolvimento de seus cultivos. O governo abriu 164km de estradas vicinais do programa “Caminhos da Produção” para escoamento da produção agrícola dos povoados às sedes dos municípios.

Governador Flávio Dino e Adelmo Soares (Foto: divulgação)

Sustentabilidade no campo

O ex-secretário Adelmo Soares, que deixou a pasta para disputar vaga na Assembleia Legislativa, destaca ainda a ação a ser desenvolvida com o projeto Mais Sustentabilidade no Campo para beneficiar proprietários ou posseiros de imóveis rurais familiares com até quatro módulos fiscais. Desde que desenvolvam atividades de agricultura familiar, incluindo os assentamentos, os projetos de reforma agrária e as comunidades tradicionais que façam uso coletivo de seu território.

“A inclusão dessas propriedades no CAR é fundamental para o acesso ao crédito rural, ao seguro agrícola e para a comprovação de regularidade ambiental, o que põe muito pra frente o desenvolvimento do setor rural do Maranhão”, avalia Adelmo Soares, que deixou a pasta em abril para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Maranhão. Para ele, as ações de apoio à Agricultura Familiar “são estratégicas para o sucesso do plano de ações de combate às desigualdades sociais no estado, um dos principais compromissos do governador com a população do Maranhão”. As atividades para a inclusão de pequenas propriedades no Cadastro Ambiental Rural serão realizadas pelo Sistema SAF— formado pela Secretaria, a Agerp e o Iterma —, onde um total de 124 técnicos estão aptos a cobrir cerca de 182 mil imóveis rurais. Eles deverão fazer o cadastro das pessoas que não têm acesso às ferramentas do CAR, o que inclui um programa que captura dados com o aparelho de GPS conectado à internet.

O governador Flávio Dino acredita que ações desta natureza ajudam a dar o salto da produção e da produtividade maranhense no campo. “Estes são os eixos condutores do crescimento da economia do Maranhão e é sempre bom alcançar metas e mostrar as vitórias do governo que traz resultados para todos nós”, ponderou Dino.

RAIMUNDO BORGES/O IMPARCIAL (Caderno 6 – 23 de maio de 2018).